Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 25 de julho de 2021
Busca
eleições em ms

PMDB racha, diretório libera filiados e Nelsinho deve apoiar Reinaldo e André apoiar Delcídio

A reunião demorou aproximadamente duas horas na sede regional do PMDB.

7 Out 2014 - 11h00Por Campo Grande News

O PMDB rachou sobre a sucessão estadual e decidiu liberar os filiados sobre quem apoiar para governador no segundo turno. O candidato a governador Nelsinho Trad (PMDB), que ficou em terceiro no primeiro turno, vai anunciar o apoio hoje à tarde, mas sinalizou que ficará ao lado do tucano Reinaldo Azambuja.

Outra liderança peemedebista a ficar com o tucano será o senador Waldemir Moka, que já começou a procurar os companheiros de partido para convencê-los a embarcar na campanha tucana. Ele destacou que é padrinho político de

Reinaldo e o indicou para entrar na política, quando ele foi eleito prefeito de Maracaju pela primeira vez.

Já o governador André Puccinelli (PMDB), que mantém o apoio à reeleição da presidente da República, Dilma Rousseff (PT), desconversou sobre quem apoiar no segundo turno. “Esta questão a Deus pertence”, afirmou, ao ser questionado se está apoiando o petista Delcídio do Amaral.

Puccinelli deve anunciar o apoio após reunião em Brasília, nesta terça-feira (7), com o ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante. Ele vai ao encontro para discutir a liberação de recursos para Mato Grosso do Sul acompanhado por Moka, pela senadora eleita Simone Tebet (PMDB) e pelo deputado estadual Carlos Marun (PMDB).

Marun afirmou que vai seguir o governador no segundo turno. Simone também apoiará o candidato que tiver a benção de Puccinelli.

Como o PMDB liberou todos os filiados para apoiar quem quiser no segundo turno, Nelsinho disse que voltará a reunir os partidos aliados para discutir uma posição entre Delcídio e Azambuja. Segundo Moka, a tendência é o ex-prefeito e terceiro colocado na disputa apoiar o tucano.

Durante o encontro do diretório, os peemedebistas fizeram uma avaliação de que a sigla está bastante dividida no Estado. Em algumas regiões, prefeitos do partidos são ligados ao PT e adversários do PSDB, enquanto em outros ocorre o contrário.

A reunião demorou aproximadamente duas horas na sede regional do PMDB.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OBRAS NO PARQUE AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Parque dos Poderes tem novas interdições neste fim de semana; confira
LUDELÇA DORNELLES FÁTIMA DO SUL - NOVO DECRETO
Fátima do Sul tem novo Toque de Recolher, Secretária fala sobre decreto, casos e vacinas, ASSISTA
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governador sanciona LDO, que prevê receita de R$ 18,47 bilhões para MS em 2022
PARQUE DOS PODERES AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Parque dos Poderes: Com asfalto novo, trecho da Avenida do Poeta é liberado
Fotos: Guilherme Pimentel, Seinfra AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo lança campanha 'Meu Estado, Meu Destino' para promover o turismo regional
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Investimentos do Governo na área habitacional melhoram a qualidade de vida de famílias de Bela Vista
MS FORTE
Azambuja afirma que MS será um dos primeiros estados a retomar atividades econômicas
AÇÕES DEPUTADA MARA CASEIRO
Após pedido de Mara Caseiro, escola recebe 10 computadores do governo estadual
MICROCRÉDITO
MS Contrata + abre pré-cadastro para programa de Microcrédito com juro zero
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Reinaldo Azambuja autoriza obras de pavimentação e recapeamento em Bela Vista