Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 22 de outubro de 2021
Busca
IPEMS - OAB-MS

OAB-MS: Bitto lidera com quase 50% dos votos, indica pesquisa Pesquisa Ipems

14 Out 2021 - 08h29Por FÁTIMA NEWS / REDAÇÃO

O advogado Bitto Pereira segue firme na liderança da disputa pela presidência da Seccicional Mato Grosso do Sul da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MS), aponta a terceira rodada de pesquisas Ipems.

No mais novo levantamento, feito entre os dias 4 e 6 de outubro, Bitto, da chapa Mais OAB, aparece com 49,94% das intenções, no cenário em que leva em consideração apenas os votos válidos, o mesmo utilizado na apuração dos votos. 

Neste mesmo cenário, a segunda colocada, Rachel Magrini, aparece com 43,42 dos votos, e a advogada Giselle Marques, terceira colocada, tem 6,64% das intenções de voto. O cenário de votos válidos exclui de sua apresentação os votos brancos, nulos e os indecisos, assim como ocorre nas apurações dos votos. 

A pesquisa é a mais abrangente de todas as já feitas para aferir o cenário pela disputa pela OAB-MS: foram 522 entrevistas nas 22 maiores subseções. 

A margem de erro é de 4,31 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o índice de confiança (probabilidade de o resultado retratar a realidade) é de 95%. 

O levantamento do Ipems foi registrado na OAB-MS sob o protocolo de número 180950/2021.

OUTRO CENÁRIO
Em todos os cenários pesquisados Bitto Pereira aparece na liderança. Na pesquisa estimulada, o candidato à presidência da OAB-MS tem 42,33% das intenções de voto. Rachel Magrini, a segunda, tem 36,81% da preferência dos advogados, e Giselle Marques 5,63%.
Não souberam ou não responderam, 11,91% dos entrevistados, e 3,32% disseram que votariam em branco ou anulariam o voto. 

REJEIÇÃO
No quesito rejeição, a candidata Giselle Marques aparece em primeiro, com 21,47% de reprovação dos eleitores. Ela é seguida por Rachel Magrini: 12,78%, de eleitores que não votariam nela de jeito nenhum. Bitto é o que tem a menor rejeição: 8,95%.

POTENCIAL
O Ipems, nesta pesquisa, também aferiu o potencial de voto dos candidatos, e Bitto pode crescer ainda mais, conforme o levantamento estatístico. O potencial de voto dele é de 85,83% dos eleitores. Rachel Magrini tem um potencial de alcance de 83,71%, enquanto Giselle Marques, 72,71%.

Leia Também

AUXÍLIO CAMINHONEIROS AUXÍLIO AOS CAMINHONEIROS
Bolsonaro anuncia novo Auxílio de R$ 400 para caminhoneiros, veja como será
PONTO FACULTATIVO
Para atualização do sistema de tecnologia da informação, Governo decreta ponto facultativo dia 01/11
Fotos: Guilherme Pimentel AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo do Estado entrega moradias à população de São Gabriel do Oeste
AUXÍLIO BRASIL
Auxílio Brasil tem valor de R$ 400 confirmado; veja quem vai receber
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
A partir de inventário inédito, grupo empresarial planeja construção de 4 hidrelétricas em MS
Em entrevista à CBN Campo Grande, candidato à presidência da OAB-MS ressaltou que instituição deve ser apartidária e atuar em defesa da coletividade ELEIÇÕES NA OAB-MS
OAB não deve estar ligada a partido político, diz Bitto Pereira
GLÓRIA DE DOURADOS
Equipe da Energisa avalia situação de risco na 5ª linha em Glória de Dourados
MATO GROSSO DO SUL
Mato Grosso do Sul se mantém líder na exportação de tilápia no terceiro trimestre de 2021
ELEIÇÕES NA OAB-MS
OAB-MS: Comissão eleitoral suspende pesquisa sem registro da chapa de Magrini
CONQUISTA DEPUTADA MARA CASEIRO
Após pedido de Mara Caseiro, governador confirma asfalto da Estrada da Balsinha para início de 2022