Menu
SADER_FULL
domingo, 5 de abril de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
NOTA PREMIADA MS

No primeiro mês do programa, mais de 5 milhões de notas foram emitidas com o CPF

No total foram autorizadas, no mês de janeiro deste ano, 5.227.126 notas fiscais com CPFs.

26 Fev 2020 - 06h52Por Portal do MS

Campo Grande (MS) – A emissão de notas fiscais autorizadas com o Cadastro de Pessoa Física (CPF) ultrapassou a expectativa para o primeiro sorteio do Programa Nota MS Premiada, que acontece no dia 29 de fevereiro. No total foram autorizadas, no mês de janeiro deste ano, 5.227.126 notas fiscais com CPFs. Do montante foram lançadas um conjunto de oito dezenas para cada documento fiscal com CPF.

Em janeiro deste ano, a autorização de Nota Fiscal Consumidor Eletrônica (NFCe) com CPFs contabilizou 4.731.477, já a autorização de Nota Fiscal Eletrônica (NFe) somou 495.649. A NFCe é responsável por comprovar vendas diretas ao consumidor final, e a NFe atende as demais situações, desde operações de compra e venda, até operações de devolução para o fornecedor, ou ainda, transferência de mercadorias, exportação, etc.

Desde setembro de 2019, o cupom fiscal não é mais um documento fiscal válido. Nele eram informados os principais dados da operação comercial.  Na prática, o cupom fiscal era o comprovante da venda no varejo, e diferentemente da nota fiscal, na qual o consumidor que está efetuando a compra é identificado, no cupom fiscal o consumidor poderia ser ou não identificado.

De acordo com o chefe da Unidade de Educação Fiscal da Secretaria de Estado de Fazenda, Amarildo Cruz, a adesão do consumidor ao Programa Nota MS Premiada é mais que satisfatória. “O resultado do Programa Nota MS Premiada é positivo. Está acima das nossas expectativas. Um ponto fundamental que nós realçamos é a percepção do consumidor de que ele não só concorre a prêmios, mas também é um aliado no combate à sonegação de impostos. Então, o efeito positivo se dá em dois aspectos: no aumento da quantidade de documentos fiscais e, consequentemente, no aumento da arrecadação, e também o fato de que o consumidor comece a perceber na prática a importância dele, em fazer com que o contribuinte emita o documento fiscal”, disse.

Quanto ao percentual de empresas que se adequaram ao Programa Nota MS Premiada, Amarildo Cruz explica que “as empresas já se adequaram em sua grande maioria. Nós mandamos uma notificação cobrando a atualização do sistema mais uma vez. Menos de 20% das empresas ainda não fizeram a atualização.  E já estamos selecionando os casos em que além da notificação irá ser feita a fiscalização”, informou Amarildo Cruz.

 

Ana Rita Chagas – Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz)

Foto: Arquivo

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS NO MS
Coronavírus em MS, Confira os gráficos de como está a situação no Estado
FÁTIMA DO SUL - CORONAVÍRUS
Sem poder abrir, Academias e Profissionais de Educação Física se unem em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - CORONAVÍRUS
Em mais um boletim, Fátima do Sul continua na lista e MS tem 02 novos casos, Veja as cidades
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Reinaldo estuda fornecer alimentos para alunos não cadastrados no Vale Renda durante pandemia
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Governo de MS usará drones para encontrar possíveis criadouros do mosquito da dengue em terrenos
CORONAVÍRUS NO MS
Saúde de MS recebe 6 mil testes rápidos que saem de 15 a 30 minutos para diagnóstico do coronavírus
CORONAVÍRUS NO MS
Contra o coronavírus, PM e Exército fazem operação e 'fecham' entrada que dá acesso a Bonito (MS)
PAIXÃO DE CRISTO
Governo decreta ponto facultativo em MS para o próximo dia 9
JATEÍ - MÁSCARAS DE PROTEÇÃO
Com produção de 400 máscaras diárias por detentas de Jateí, começa atender Vicentina e Fátima do Sul
MS NO COMBATE A COVID-19
MS reage à crise do coronavírus com mais de 60 medidas, Confira