Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 25 de junho de 2024
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Busca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS

MS é o terceiro estado que mais investe na qualidade de vida da população

28 Mai 2024 - 07h49Por Natalia Yahn, Comunicação Governo de MS, colaborou Leonardo Rocha

Com investimento de R$ 1.150 por habitante, Mato Grosso do Sul está entre os três estados do Brasil com capacidade de aporte de recursos acima de R$ 1 mil per capita. Além do MS – que ficou em terceiro lugar na análise –, somente os estados do Mato Grosso (com R$ 1.828) e do Espírito Santo (com R$ 1.289) – respectivamente em primeiro e segundo lugares –, alcançaram o índice de investimento superior a R$ 1 mil.

Estudo da Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) – publicado no fim de abril deste ano –, detalhou a situação fiscal dos estados brasileiros, considerando a relação entre receita e despesa, com base em dados da STN (Secretaria do Tesouro Nacional).

A avaliação demonstra que o Mato Grosso do Sul tem bom poder de investimento público por habitante, ficando em terceiro entre os estados com melhores situações de investimento, em relação ao ano de 2023.

O estudo aponta que “os estados são os principais responsáveis pela segurança pública e possuem papel de destaque na provisão de serviços de educação e saúde por todo o país”. No caso de MS, o impacto positivo reflete diretamente na área social, infraestrutura, saúde, educação e também na economia do Estado. “Visto que essas despesas têm inerentemente a capacidade de gerar bem-estar para a população e melhoria do ambiente de negócios local”, apontou o relatório da Firjan.

Outro ponto observado na análise é em relação ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). No fim de 2023, o Governo do Estado anunciou que manteria o índice de 17%, o menor do País. A decisão de manter a alíquota-padrão congelada, da principal fonte de arrecadação estadual, ocorreu para não prejudicar a população.

“Optamos por manter o ICMS em 17%, que já é a menor do Brasil”, afirmou – na ocasião do anúncio, no dia 4 de dezembro de 2023 – o governador, Eduardo Riedel. 

Com capacidade de investimento, Governo de MS reforma escolas (Foto: Saul Schramm)

e investe na saúde pública em todo o MS (Foto: Álvaro Rezende)

O Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços incide em praticamente todos os produtos, afetando o preço final que chega ao contribuinte. Para 2024, o Governo do Estado prevê arrecadar R$ 25 bilhões, sendo R$ 16 bilhões por meio do ICMS.

Outras Unidades da Federação optaram por aumentar o imposto estadual por conta da Reforma Tributária porque, de acordo com o texto em tramitação no Congresso Nacional, a receita de estados e municípios com o IBS (Imposto sobre Bens e Serviços, que substituirá o ICMS e o ISS) será proporcional à média da arrecadação entre 2024 e 2028. 

A estratégia de Mato Grosso do Sul é totalmente diferente, pois o Governo do Estado projeta que o crescimento econômico irá garantir um aumento na arrecadação, sem precisar aumentar o imposto, que todos pagam. “Esse crescimento nos dá conforto. É uma medida responsável. Nesse momento achamos que manter a alíquota aumenta a nossa competitividade e atrai ainda mais investimentos”, explicou Riedel.

Em função do desequilíbrio no orçamento, os Estados ampliaram as alíquotas do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), o principal tributo dos governos regionais. Das 27 unidades da Federação, 18 aumentaram a alíquota em relação a 2022.

Mato Grosso do Sul está entre os nove estados do Brasil – junto com SP, RN, MG, AP, SC, RS, MT e ES - que não aumentaram a alíquota do ICMS em relação a 2022. O estado manteve o índice em 17%, o menor do país – assim como RS, MT e ES.

Investimentos

Além de atrair inúmeros investimentos, em diferentes segmentos, gerando emprego e renda para a população, o Estado também investe na qualidade de vida das pessoas. Uma das grandes frentes de trabalho é na infraestrutura. Como na obra de pavimentação da MS-270, que liga as regiões conhecidas como Copo Sujo até a Cabeceira do Apa.

A obra na rodovia MS-270 já está com movimento constante de carros, motocicletas e carretas. O investimento do Governo do Estado mudou a realidade da região.

A pavimentação da MS-270 mudou a vida dos moradores da região (foto: Bruno Rezende)

e da MS-345 vai contribuir para o turismo (Foto: Saul Schramm)

O proprietário de uma mercearia que fica na margem da estrada, Rodrigo Santos, avalia que o investimento do Governo do Estado, mudou a realidade da região. Para ele o asfalto ficou muito bom, aumentou a quantidade de clientes do comércio e acabou o problema com lama, barro e poeira.

“Moro há 22 anos em um assentamento da região. Antes do asfalto a gente sofreu bastante, a estrada ficava muito ruim na época de chuva. Agora passa carro aqui o dia inteiro. O progresso chegou”, disse Santos.

Outra obra que também contribui para o desenvolvimento turístico e econômico, é a pavimentação da Estrada do 21, que encurta o trajeto entre Campo Grande e Bonito.

“Era muito difícil seguir caminho com chuva, pois o percurso ficava péssimo. Já percebi a vinda de muita gente de Campo Grande e do Paraná por aqui”, disse Gilberto Bussler, morador do distrito de Águas do Miranda.

Social

O Governo do Estado também mantém o programa “Mais Social”, um auxílio financeiro do atende famílias em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar e nutricional, com o objetivo de promover a inclusão social. Desde o início do ano o programa passou de R$ 300 para R$ 450, reajuste de 50%.

O programa é conduzido pela Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos) e consiste na entrega de um cartão social, limitado a um por pessoa em cada família que se encaixe nos critérios de seleção, com o valor disponível o beneficiário pode fazer a compra de diversos produtos alimentícios, de limpeza e higiene, além de gás de cozinha.

Participe do nosso canal no WhatsApp

Clique no botão abaixo para se juntar ao nosso novo canal do WhatsApp e ficar por dentro das últimas notícias.

Participar

Leia Também

FUNTRAB - Cláudia Yuri, Comunicação Funtrab BORA TRABALHAR
Feirão da Empregabilidade na Funtrab oferece 264 vagas na manhã desta terça-feira
Fotos: Chico Ribeiro e Agesul  AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Nova iluminação de LED traz segurança e sustentabilidade ao Parque dos Poderes
Renata Brum, Comunicação Segem AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Mudanças climáticas é tema da 9ª edição do Ciclo de Debates Urgentes do Programa de Estágio de MS
Fotos: Rachid Waqued AÇÕES DO DETRAN/MS
Junho Prata no Detran-MS abordou saúde, direitos, atendimento e políticas inclusivas para público 60
Fotos: Saul Schramm AÇÕES DO GOVERNO DE MSSob a ótica de promover
Governo de MS discute práticas inovadoras na gestão de pessoas do setor público

Mais Lidas

IMAGEM: TOP MÍDIA NEWSACIDENTE FATAL
FATAL: Vídeo mostra motorista furando sinal e matando motociclista
FRIO - Foto: Bruno RezendeFRENTE FRIA DE INVERNO
Frente fria vem aí, a primeira do inverno que pode registrar mínima de 2°C; confira a previsão
Evento
Fátima do Sul irá sediar hoje o maior evento corporativo do Mato Grosso do Sul: Rota do MS
Crime aconteceu em frente à casa do casal; Fotos: Leandro Holsbach/Ligado Na NotíciaCRIME
Mulher mata companheiro com golpe de faca no pescoço, 'Cansei de apanhar', disse ela
FÁTIMA DO SUL DE LUTO
Fátima do Sul se despede de Donizete Gotardi, Pax Oliveira informa sobre velório e sepultamento