Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 15 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
SIMPOSIO

Governo reúne especialistas para debater uso público de Parques Estaduais e definir modelo pra MS

Especialistas em gestão de parques se reúnem em Campo Grande nesta terça-feira (12) no Simpósio de Uso Público em Parques no Mato Grosso do Sul.

12 Nov 2019 - 08h38Por Portal do MS

Campo Grande (MS) – Especialistas em gestão de parques se reúnem em Campo Grande nesta terça-feira (12) no Simpósio de Uso Público em Parques no Mato Grosso do Sul.  O evento acontece no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo é uma realização do WWF-Brasil em conjunto com a Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e apoio do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) e do Instituto Semeia. O Simpósio terá transmissão ao vivo na internet, no canal do WWF Brasil no Youtube, e na fanpage da Semagro (www.facebook.com/semagroms).

O objetivo do Simpósio é conhecer e debater formas de uso público e concessões em Parques e outras áreas protegidas de Mato Grosso do Sul, utilizando boas práticas que promovam o desenvolvimento sustentável das regiões onde se localizam essas unidades de conservação. Serão expostos cases de concessão de Parques, turismo em áreas protegidas no Brasil (ICMBio) e nos países vizinhos (Paraguai e Bolívia), turismo em áreas privadas, bem como palestra sobre as Unidades de Conservação e áreas protegidas do Mato Grosso do Sul. A programação pode ser acessada na página da Semagro (www.semagro.ms.gov.br), no banner Simpósio de Uso Público em Parques do MS.

“Queremos potencializar o uso dos nossos parques estaduais. Os parques, além dos importantes serviços ambientais que nos oferecem, podem proporcionar uma alternativa sustentável de desenvolvimento para o Mato Grosso do Sul. Para isso estamos promovendo esse debate com especialistas que vão trazer as experiências em gestão de áreas protegidas no Brasil, Paraguai e Bolívia”, comenta o secretário adjunto da Semagro, Ricardo Senna.

De acordo com Ricardo Senna, “a ideia é trazer para discussão uma visão das áreas protegidas do nosso Estado com aptidão recreativa, esportiva, turística, histórico-cultural e conscientização ambiental e, por fim, encontrar o modelo que seja mais adequado às necessidades e particularidades dos nossos Parques Estaduais. Teremos dois momentos de discussão, um no dia 12 de novembro, aberto ao público em geral e outro, no dia seguinte, voltado aos gestores públicos, para tratar especificamente dos nossos parques estaduais”.

O evento terá transmissão ao vivo no endereço https://www.youtube.com/user/WWFBrasil e na fanpage da Semagro: https://www.facebook.com/semagroms/.  Também será possível enviar perguntas on line, por meio do link: https://pigeonhole.at/PARQUES.

Dia do Pantanal

A realização do Simpósio ocorre no Dia do Pantanal, bioma que abrange o território brasileiro, boliviano e paraguaio e que desempenha um importante papel na conservação da biodiversidade, como fonte de água, estabilização do clima e conservação do solo. Também chamado de “reino das águas”, o Pantanal é detentor de uma das maiores áreas úmidas continentais do planeta, 624.320 km², cerca de 62% no Brasil, nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul; 20% na Bolívia; e 18% no Paraguai.

De acordo com Julia Boock, analista de conservação do WWF-Brasil, a ideia é discutir o uso público como instrumento de conservação para as áreas protegidas. “Após vários anos em parceria com instituições públicas e privadas, verificamos que a melhoria da gestão das Unidades de Conservação está agora em uma nova fase. As atividades turísticas de baixo impacto são importantes aliadas para a proteção e conservação, passando pela valorização dessas áreas pela sociedade”, explica. Ela lembra que a realização do Simpósio de Uso Público em Parques foi viabilizada por meio de projeto financiado pela União Europeia.

Durante o Simpósio, no dia 12 de novembro, serão apresentadas palestras com temas ligados à conservação e ao turismo em áreas protegidas no Brasil, Bolívia e Paraguai, com enfoque nas necessidades e particularidades de Mato Grosso do Sul. Também haverá assinatura de atos públicos, o lançamento do Guia de Plano de Negócio para RPPN e do volume 5 da revista Ciência Pantanal. Outro destaque da programação será o anúncio dos pré-finalistas do Concurso Fotográfico Áreas Que Protegem a Vida – Pantanal, que serão abertos para votação pública através do site do concurso (http://concurso.wwf.org.br).

No dia 13 de novembro, as discussões serão restritas a um grupo menor de gestores públicos, em uma Oficina de Capacitação de Uso Público em Parques em Mato Grosso do Sul, visando o início da construção de modelos de gestão sustentável das Unidades de Conservação estaduais.

Simpósio de Uso Público em Parques no MS
Local: Auditório Germano Barros de Souza – Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil e Camillo
Local almoço e coffe: Espaço Loyde Bomfim de Andrade

Programação (12/11)

7h30 – ­Café da manhã
8h30 – Abertura Oficial
Bloco 1: Uso Público em Parques
9h30 – Leonardo Tostes Palmas | Gerência de Unidades de Conservação do Imasul: As áreas protegidas do Mato Grosso do Sul
10h00 – Victor Hugo Corrêa Costa |Semeia: Etapas dos processos de concessão
10h30 – Carlos Henrique Velasques Fernandes |ICMbio – Experiência do ICMBio com uso público em parques
11h00 – Elton A. Silveira | Superintendente de Mudanças Climáticas e Biodiversidade-SEMA – MT: Processos de concessão no MT – Situação atual
11h30 – Perguntas – Bloco 1
11h45 – Lançamento do Guia de Plano de Negócio de RPPN-WWF Brasil e Sebrae
12h20 – Intervalo – Almoço no local

Bloco 2: Turismo em áreas protegidas

13h30 – Concurso de fotos
14h00 – Eduardo Coelho |RPPN Rio da Prata e Mimosa: Experiência e visão do turismo privado em UC no MS e Abeta
14h30 – Bruno Belisário – Br Parks | Experiência com a concessão dos Parques Pau Brasil, Itatiaia e Serra dos Órgãos
15h00 – Turismo em áreas protegidas em Bolívia |Parque Otuques e o futuro do uso público em Bolívia
15h30 – Guyra Paraguay y la SENATUR |Experiência do Paraguai – Estação biológica Três Gigantes
16h00 – Perguntas – Bloco 2
16h30 – Lançamento de revista Ciência Pantanal
17h00 Encerramento

Marcelo Armôa – Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro)

Foto: Edemir Rodrigues

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Governo do Estado distribui cobertores e máscaras para famílias carentes
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Estado encerra semana com saldo de R$ 7,9 milhões em obras entregues em três municípios
SENADORA SIMONE TEBET
Simone quer garantir que recursos destinados ao enfrentamento da covid-19 possam ser usados até 2021
VOLTA ÀS AULAS NO MS
Governo avalia testagem em massa para volta às aulas em MS
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pela primeira vez agricultores familiares do MS serão contemplados com recursos do PAA
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Programa do Governo MS beneficia Agricultura Familiar e assegura comida para famílias carentes
AÇÕES DO DEPUTADO BARBOSINHA
Barbosinha pede a Tereza Cristina recursos para construir uma Ceasa em Dourados
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS lança licitação para obra de asfalto na MS-270 em Ponta Porã
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
“Estamos saindo na frente”, diz Reinaldo sobre projeto de concessão da Sanesul
COVID-19
Em sessão remota, Eduardo Rocha pede um minuto de silêncio pelas mais de 100 mil mortes por covid-19