Menu
SADER_FULL
domingo, 23 de janeiro de 2022
Busca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS

Governo dá prosseguimento aos investimentos na MS-165, que visa implantar a rodovia Sul-fronteira

18 Out 2021 - 11h00Por Leonardo Rocha, Subcom

Para melhorar o escoamento da produção e encurtar caminhos, o Governo do Estado continua os investimentos para implantar a rodovia Sul-fronteira, por meio de pavimentação da MS-165, em Mato Grosso do Sul. O objetivo é promover esta integração e melhorar os acessos na região.

O novo passo foi a contratação do projeto executivo de engenharia, com EVTEA (Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental), para pavimentação da rodovia MS-165, no trecho das cidades de Coronel Sapucaia a Paranhos, que se trata de uma extensão de 55 km.

O contrato no valor de R$ R$ 1.318.499,93 para realização do projeto foi publicado nesta segunda-feira (18), no Diário Oficial do Estado. Os recursos investidos são do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul).

É mais um investimento para implantar o projeto de integração Sul-fronteira, que visa facilitar o tráfego e encurtar as distâncias, ajudando a melhorar a economia das cidades fronteiriças, entre elas Antônio João, Ponta Porã, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Mundo Novo, Paranhos, e Sete Quedas.

Pavimentação

Durante agenda em Paranhos no mês passado, governador Reinaldo Azambuja falou da importância da obra para a região (Foto: Saul Schramm)

De acordo com a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), quando todos os outros trechos de pavimentação previstos para esta obra de integração estiverem concluídos, a integração da MS-165 terá recebido uma pavimentação de mais de 322 quilômetros de extensão.

"Asfalto está saindo de Coronel Sapucaia e depois está descendo para Paranhos, a Sul-Fronteira vai chegar na cidade. São investimentos em infraestrutura que visam levar desenvolvimento para os municípios e assim ajudar na logística e tráfego local", destacou o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

O governador Reinaldo Azambuja afirmou que se trata de investimentos importantes para região de fronteira. "Começamos o asfalto que sai de Coronel Sapucaia e vai chegar em Paranhos. É uma obra que já vem lá de Ponta Porã, Sanga Puitã, Aral Moreira, Vila Marques. Tem uma outra frente de obras de Vila Marques até Coronel Sapucaia, depois para Paranhos, e depois vamos dar uma ordem de início de Paranhos até Sete Quedas", descreveu.

Um dos objetivos é reduzir o tempo de viagem e levar desenvolvimento para toda região. "Toda esta faixa de fronteira vai chegar lá em Mundo Novo. Então vai poder sair de Mundo Novo até Ponta Porã, andando pela fronteira. Obra importante, de integração, que encurta caminho, melhora os acessos", disse o governador.

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo alcança mais famílias com ampliação de 25% nos repasses para a assistência social em MS
Foto: Edemir Rodrigues CONTA DE LUZ ZERO
Conta de energia de 152 mil famílias são pagas pelo governo de MS através do programa Energia Social
Foto: Edemir Rodrigues (Arquivo) AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS libera quase R$ 10 milhões para reformas em escolas do interior
Comunicação Sanesul SANESUL
Amambai terá mais de R$ 2,9 milhões em obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário
Fotos: Chico Ribeiro NA OAB / MS
Advogados tiveram as maiores conquistas da história da OAB-MS, destaca Reinaldo Azambuja
Foto: Chico Ribeiro (Arquivo) AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Grande Dourados: Governo do Estado investe R$ 24,1 milhões na restauração da MS-475
Foto: Edemir Rodrigues/Arquivo AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Semagro estimula implantação de frigorífico para processamento de peixe em Inocência
FOTO: SUBCOM AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Para ampliar investimentos na fronteira, Governo vai construir novas pontes em Porto Murtinho
BARBA entrega os pedidos nas mãos da Senadora Simone Tebet, sendo observado pelo prefeito de Vicentina, Marquinhos do Dedé CULTURAMENSE TRABALHANDO
Barba entrega para Senadora, pedido de R$ 200 mil para o SIAS, sistema 5G e caminhão para Culturama
TECNOLOGIA
Governo prevê demanda maior por tecnologia e inovação para manter crescimento