Menu
SADER_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
SADER_FULL
Busca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS

Com novo cronograma, complexo hospitalar de Corumbá está com 85% de sua estrutura pronta

Definida a reprogramação do término da obra do novo Pronto Socorro de Corumbá

27 Fev 2021 - 08h30Por SUBCOM

Definida a reprogramação do término da obra do novo Pronto Socorro de Corumbá, após alterações no projeto devido a problemas no lençol freático e grande quantidade de rochas no terreno, a Prefeitura anunciou para outubro a entrega do benefício à população. A obra é executada pelo município com recursos (R$ 11,9 milhões) do Governo do Estado.

A pandemia do coronavírus e as adequações no projeto de engenharia adiaram a conclusão do empreendimento hospitalar em 2020, que está com 85% de sua estrutura concluída. A empresa contratada está executando a última etapa, o anexo onde funcionará a ala com 30 leitos em dois pavimentos, em fase de acabamento. Os 55 operários estão iniciando a implantação da alvenaria.Nova estrutura em saúde, totalmente equipada, moderna, vai proporcionar bom atendimento à Corumbá e região

A estrutura do novo complexo de saúde pública do município pantaneiro se destaca entre as ruas América e Sete de Setembro, centro da cidade. A obra mudará radicalmente o padrão de assistência médico-hospitalar na região, se integrando ao centenário Hospital de Caridade. Segundo o governador Reinaldo Azambuja, a construção do novo PS faz parte de um plano de reestruturação da saúde em todo o Estado, totalizando seis novas estruturas hospitalares.

Saúde de qualidade

“Vamos entregar uma nova estrutura em saúde, totalmente equipada, moderna, para fazer um bom atendimento à Corumbá e região”, afirmou. “Esta obra é um compromisso que fizemos, ela tem uma importância singular para a região, e ficamos muito contentes com a parceria com a Prefeitura, a quem destinamos os recursos”, completou.

Com 3,6 mil m² de área, o Pronto Socorro contará com alas de triagem, emergência, ambulatório, receptivo e enfermaria, além do setor com 30 leitos. Os investimentos ampliam a estrutura do único hospital de uma região com 180 mil habitantes (incluindo Ladário e as cidades fronteiriças da Bolívia), com uma demanda crescente e hoje sem suporte clínico para oferecer qualidade de serviços à população.

Os investimentos do Governo do Estado incluem, ainda, reforma do atual prédio do Hospital de Caridade e reestruturação completa do centro obstétrico e da enfermaria da maternidade. Numa segunda etapa, serão adquiridos os equipamentos e mobiliário. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a reforma no cento obstétrico vai padronizar a unidade dentro das normativas da Rede Cegonha, do Ministério da Saúde.

Parceria do Estado

O prefeito corumbaense Marcelo Iunes vistoriou as obras do novo Pronto-Socorro Municipal esta semana e garantiu sua conclusão em meados do segundo semestre de 2021. “Os serviços estão bem adiantados e tudo correndo conforme os trâmites legais vamos poder entregar essa obra, no mais tardar, em outubro. A empreiteira, inclusive, vai acelerar a obra com mais contratações”, afirmou.

Iunes destacou que a obra é um dos maiores investimentos que o município está recebendo do Estado, “com a ajuda do nosso governador Reinaldo Azambuja, e do nosso secretário Eduardo Riedel, grandes parceiros de Corumbá e não medem esforços para trazer investimentos para a região”. “São leitos novos, um hospital totalmente moderno, com equipamentos novos, vai propiciar um atendimento de qualidade.”Maquete do projeto do PS de Corumbá que vai beneficiar a população de toda a região

Ao acompanhar o prefeito durante a visita ao canteiro de obras, o secretário municipal de Saúde, Rogério Leite, explicou que o novo complexo hospitalar tem sua importância estratégica dentro de uma macrorregião que engloba Corumbá, Ladário e as cidades bolivianas situadas na fronteira, onde existe uma demanda crescente sem que haja estrutura físico e técnico para suportar.

“Corumbá é uma área estratégica para os ministérios da Saúde e da Defesa. Nós já fomos contatados para que reforcemos principalmente a área hospitalar, a estrutura de saúde é relacionada ao atendimento de uma situação de fronteira, que é um programa do Governo Federal, o SIS Fronteira, de dar toda a segurança e estrutura, de atendimento à população da região”, detalhou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo abre Roda de Diálogo com Entidades Sindicais dos servidores
AÇÕES DO DEPUTADO BARBOSINHA
Barbosinha pede seriedade, transparência e clareza no atendimento de Saúde em Dourados
COMPUTADORES NAS ESCOLAS
Reinaldo Azambuja entrega 376 computadores para melhorar aprendizado dos alunos
PROCESSO SELETIVO PREFEITURA DE MS
Prefeitura abre processo seletivo com salários de até R$ 10,6 mil em MS
REFORMA ADMINISTRATIVA
Comissão dá aval para reforma administrativa no governo Azambuja
VACINA CONTRA COVID-19
Mato Grosso do Sul participa de consórcio para compra de 28 milhões de doses de vacina contra Covid
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Eduardo Riedel: 'Investimentos em infraestrutura se convertem em renda e emprego'
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Em formatura de sargentos,governador destaca investimentos e valorização dos servidores da segurança
LEILÃO LEILÃO NO DETRAN/MS
Leilão Online de sucata aproveitável será nesta terça-feira com 260 veículos, veja como participar
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governo institui Plano Estadual de Manejo Integrado do Fogo para prevenir e combater incêndios