Menu
SADER_FULL
terça, 24 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ALVORADA
furto de gado

Veterinário é preso por furtar mais de R$ 2 milhões em gado de 4 fazendas em MS

1 Fev 2014 - 08h19Por Campo Grande News

Médico veterinário e ex-gerente de quatro fazendas em Mato Grosso do Sul, Gustavo Mariozi Silveira, 46 anos, foi preso nesta sexta-feira (31), em frente ao TRT (Tribunal Regional do Trabalho), em Campo Grande. Ele era procurado há dois anos pelo furto de gado avaliado em cerca de R$ 2 milhões. E como mudou de endereço, sem informar as autoridades, a Justiça decretou a prisão preventiva em dezembro de 2013.

Ainda nas escadarias do TRT, Gustavo foi surpreendido por policiais do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros). O Campo Grande News acompanhou o momento em que ele tentou resistir, mas foi levado para a delegacia.

Gustavo é natural de Santa Maria (RS). Testemunhas dizem que ele furtou gado de uma família, na época de um processo de inventário e então fugiu para o Estado. Aqui trabalhou por sete anos nas propriedades do agropecuarista E.V.C., 62 anos, localizadas em Aquidauana, Bela Vista, Terenos e Bodoquena.

Procuração - O autor recebia R$ 4 mil mensais e mais 2% de comissão sobre a venda dos animais, conforme a vítima. Em depoimento, ele conta que emitiu uma procuração para Gustavo representá-lo junto a terceiros e efetuar a comercialização dos bovinos. No entanto, em 2006 o documento foi revogado.

Foi na época que a vítima começou a perceber irregularidades, como a venda de bezerros logo após o nascimento. A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) autoriza a venda após o desmame, com no mínimo dez meses de idade. Gustavo, porém vendia os animais por um preço muito menor, com três meses de vida.

Ao todo a vítima diz que possuía na época 10 mil cabeças de gado, sendo a maioria da raça angus. Em um levantamento de junho de 2011, ele constatou o furto de 754 animais. O agropecuarista registrou uma ocorrência e as investigações confirmaram que ele ainda contava com a ajuda de uma quadrilha para cometer o crime.

Gustavo foi indiciado por furto qualificado por abuso de confiança, estelionato e formação de quadrilha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador entrega novo quartel do Corpo de Bombeiros e visita obras de pavimentação asfáltica
BRIGA DE CASAL
Durante briga com mulher, homem fica ferido a facadas em frente de hotel em Dourados
LIGAÇÃO FATAL
Mulher dirige falando no celular, capota carro e morre
ASSASSINATO
Policia persegue e apreende menor que matou líder do PC do B em assentamento
TRISTEZA NA FAMILIA
Menino de 4 anos morre após quebrar o pescoço durante brincadeira
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Unidades de resgate entregues aos bombeiros são as mais modernas do Brasil, afirmam militares
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Em nova parceria, Estado e bancada federal entregam unidades de resgate para 05 cidades de MS
ACIDENTE FATAL
Homem é atropelado duas vezes na estrada e tem cabeça esmagada em Dourados
Carro ficou destruído após colisão com ônibus (Foto: Simão Nogueira) ACIDENTE FATAL
Motorista de aplicativo morre ao bater em ônibus em MS
GREVE DE FOME
Professores fazem greve de fome por revogação de edital de temporários