Menu
SADER_FULL
sábado, 30 de maio de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
JUSTICEIROS

Revoltados, moradores ateiam fogo em casa de bebê morto. Pai, mãe e avó estão presos

O ataque a residência seria uma represália à família pela morte de Sophia. A família morava pouco mais de seis meses na residência, que era alugada.

20 Jun 2019 - 16h36Por Ric Mais

   Revoltados, moradores ateiam fogo em casa de bebê morto em Arapongas, região norte do Paraná. A residência pertencia a família da pequena Sophia Emanuelly Ribeiro da Silva, que morreu na última terça-feira (18), os familiares suspeitos da autoria do crime.
                                  Segundo a Polícia Militar, três homens foram vistos pulando o muro da casa antes do incêndio. O ataque a residência seria uma represália à família pela morte de Sophia. A família morava pouco mais de seis meses na residência, que era alugada.
                                  Quando o Corpo de Bombeiros chegou até o local, o fogo já tinha se alastrado por todo o imóvel. A residência no Jardim Bandeirantes, em Arapongas, ficou completamente destruída pelo fogo.
                                  A suspeita é que Roger da Silva Ribeiro, o pai da bebê, tenha cometido as agressões e os abusos, e a mãe, Eduarda da Silva Bernardo e a avó materna, Maria Aparecida da Silva também participaram do crime. Foi constatado que a Sophia Emanuelly tinha sinais de violência sexual.
                                  A Polícia investiga a morte de uma outra filha do casal, que morreu há um ano. Além de Sophia, o casal tem mais três filhos: um recém-nascido de 15 dias, um menino de nove anos, e um adolescente de 14. Os três foram encaminhados ao Conselho Tutelar. (Ric Mais).

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO EM MS
Amigos choram perda de casal assassinado na frente de filha de 3 anos em MS
ACIDENTE DE TRABALHO
Funcionário se joga de caminhão sem freio, mas morre atropelado
ASSASSINATO A ESCLARECER
Homem é executado com 6 tiros a 'queima-ropa' durante partida de futebol em MS
COVID-19
Delegacia de Ponta Porã é fechada após policiais testarem positivo para covid-19
INDIGNAÇÃO
Morte de homem negro asfixiado por policiais nos EUA gera indignação internacional
VICENTINA - DESAPARECIDO HÁ 73 DIAS
Desaparecido há 73 dias, família não perdeu a esperança de encontrar seu Manoel em Vicentina
BARBÁRIE
Jovem é espancada e queimada viva por multidão no meio da rua
ESTUPRO
Homem é preso em flagrante tentando estuprar mulher desacordada
ACIDENTE FATAL
Motociclista invade pista contrária, bate em caminhão e morre na BR-060
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casa pega fogo, família com 8 crianças fica só com a roupa do corpo e precisa de doações