Menu
SADER_FULL
domingo, 31 de maio de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
TIRO ACIDENTAL

Professora é atingida com tiro acidental disparado pelo noivo de sua neta

O disparo que vitimou a professora Aldacy teria sido disparado por um empresário, que seria noivo de uma neta dela.

15 Abr 2019 - 08h59Por Goionews

                          A equipe da Polícia Civil de Campo Mourão está apurando as circunstâncias em que aconteceu a morte da professora aposentada Aldacy Luzia Almeida Baldini (foto), de 71 anos, foi atingida por um tiro na nuca durante uma confraternização familiar em uma chácara na Usina Mourão, na noite desabado,13,em Campo Mourão.

O disparo que vitimou a professora Aldacy teria sido disparado por um empresário, que seria noivo de uma neta dela. O homem estaria manuseando uma espingarda calibre 22 e a arma disparou acidentalmente, atingindo a aposentada. Ela chegou a ser socorrida, mas faleceu antes de chegar ao hospital.
A polícia deve ouvir todas as pessoas que estavam no local no momento eu houve o suposto disparo acidental. Se for confirmada a versão, o autor dos disparos deverá ser indicado por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar.
Goionews: Todo mundo lê!

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GLÓRIA DE DOURADOS - ASSALTO
Usando máscara, motoqueiro aponta arma para mulher e rouba celular em Glória de Dourados
FATALIDADE
Sindicato e alunos choram perda de diretora em Campo Grande: 'sigamos em oração'
LUZ DO DIA
Vídeo: Câmera flagra ladrão roubando bolsa neste sábado, de dia, em Dourados
ASSASSINATO EM MS
Amigos choram perda de casal assassinado na frente de filha de 3 anos em MS
ACIDENTE DE TRABALHO
Funcionário se joga de caminhão sem freio, mas morre atropelado
ASSASSINATO A ESCLARECER
Homem é executado com 6 tiros a 'queima-ropa' durante partida de futebol em MS
COVID-19
Delegacia de Ponta Porã é fechada após policiais testarem positivo para covid-19
INDIGNAÇÃO
Morte de homem negro asfixiado por policiais nos EUA gera indignação internacional
VICENTINA - DESAPARECIDO HÁ 73 DIAS
Desaparecido há 73 dias, família não perdeu a esperança de encontrar seu Manoel em Vicentina
BARBÁRIE
Jovem é espancada e queimada viva por multidão no meio da rua