Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
polícia

Por R$ 28 a mais em conta, mãe e filho menor apanham de donos de bar em MS

16 Dez 2013 - 08h15Por Idest

Uma mulher de 29 anos alega ter sido agredida e acusa o proprietário de um bar e sua esposa pelas agressões sofridas durante uma briga generalizada, na noite do último sábado (14), por volta das 23 horas, na rua Espírito Santo, em Camapuã.

Segundo o registro policial, o motivo da briga seria uma divergência com relação ao valor das despesas que a vítima teria que pagar no bar.

A vítima relatou à polícia que foi apresentado a conta do gasto na quantia de R$ 58, pela esposa do dono do bar. A mulher não concordou com a conta apresentada, já que, segundo ela, devia apenas R$ 30. Foi quando começou uma confusão que gerou a briga generalizada.

A vítima apresentava lesões na testa esquerda e no joelho direito, e o filho dela, que também estava presente e é menor, levou um tapa no rosto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEQUESTRO
Pai é morto pela polícia ao ameaçar matar filha de três anos em milharal
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe vai à igreja e filho de 21 anos estupra irmã de 8
SURTO DA MACHADINHA
Empresário acusado de ameaçar prefeito 'peita' policiais penais e leva três tiros
AMEAÇAS DE MORTE
Empresário agride segurança e tenta invadir casa do prefeito
SOB INVESTIGAÇÃO
Criança morre em Dourados após passar mal e polícia investiga caso
BRIGA DE CASAL
Antes de ser atropelado e morto a facadas, ‘Mil Graus’ teria tentado separar briga de casal em MS
ENCONTRADA
Adolescente sumida por três dias é achada em cidade vizinha, diz família de Nova Andradina
EXECUÇÃO
Ex-lutador de MMA é executado enquanto bebe com mulher na frente de casa em MS
FÁTIMA DO SUL - LUTO
Vítima de acidente não resiste e morre, Cida Lima era professora da REME de Fátima do Sul
CRUELDADE
Menino ficava de castigo por até nove horas ajoelhado em grãos de trigo