Menu
SADER_FULL
quarta, 25 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
UNIGRAN DOURADOS
VIOLÊNCIA

Pais de menores dizem que adolescente praticou ato sexual na escola porque quis

16 Abr 2014 - 16h15Por Correio do Estado

Maércio Alves disse ainda que, se o fato for comprovado, os menores envolvidos podem receber desde advertência até apreensão, dependendo da decisão judicial. O delegado também não informou quando deve sair o laudo da perícia feita no vídeo com as imagens do fato.

Caso
Uma amiga da adolescente de 14 anos que teria sido vítima de abuso sexual na escola, que fica no Bairro Universitária II, em Campo Grande, teria tentado influenciá-la a cobrar de R$ 15 a R$ 20 em troca de sexo oral.

Segundo o depoimento, as duas foram para uma área em obras da escola, onde estavam os três menores, na última quarta-feira (9). A colega havia dito que um dos rapazes queria "ficar" com a vítima. Conforme a garota, ela foi obrigada a fazer sexo oral em um deles, de 13 anos, e ameaçada pelos outros dois. O ato sexual foi filmado e enviado para outros estudantes através de um aplicativo de celular.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DISPARO ACIDENTAL
Quando colhia castanhas, Índia de 14 anos é morta com tiro disparado pelo próprio marido
COISA DE FILME DE TERROR
Vizinhos de massagista estão em choque com crueldade do crime em cidade do MS
TRAGEDIA NA RODOVIA
Violento acidente entre ônibus e caminhão em rodovia provoca 22 mortes
BARBÁRIE
Chargista é esquartejado e corpo colocado em malas
GOLPE
Pai e filha são vítimas de golpe em Dourados e perdem R$ 8,5 mil
VICENTINA - ACIDENTE
Freios falham e Fiat Strada bate em árvore e quase atinge banca de frutas em Vicentina
AFOGAMENTO
Corpos de adolescentes desaparecidos são encontrados em 'piscinão'
CHACINA
Mulher, marido, filho e amigo são executados em chacina na saída de garimpo
ESTUPRO
Homem é acusado de estuprar cunhada durante festa de família em MS
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador entrega novo quartel do Corpo de Bombeiros e visita obras de pavimentação asfáltica