Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 5 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
deodápolis

Pai e filho contratados para fazer frete são amarrados por 'clientes' que roubam caminhão

Polícias Civil e Militar foram acionadas logo após o crime, mas nenhum dos bandidos foi encontrado

27 Set 2013 - 09h50Por Correio do Estado

Pai e filho foram sequestrados por bandidos que fugiram levando um caminhão-baú. O crime aconteceu ontem (26), na cidade de Deodápolis.

Segundo informações das vítimas, o pai recebeu o telefonema de uma pessoa desconhecida que contratou o serviço de mudança na Linha 9, que fica na área rural do município. Por volta das 7h, ele e seu filho foram até o local combinado, onde foram rendidos por três bandidos.

As vítimas reagiram ao assalto e lutaram com os criminosos, mas desistiram da reação no momento em que foram ameaçados de morte com uma arma de fogo. Eles então foram amarrados, enquanto os marginais fugiram com o veículo.

Os dois permaneceram amarrados por mais de 4h. Quando conseguiram soltar as amarras, eles pediram ajudam num sitio próximo.

As polícias Militar e civil foram acionadas, mas nenhum suspeito foi encontrado. O veículo também não foi recuperado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS reforça estrutura das polícias para combater criminalidade
TRAGEDIA NA RODOVIA
Familia se despede de parentes mortos em acidente na BR-277
NA CASA DELE
Tio estupra criança de 4 anos e dá chocolate para ela não contar
FATIMA DO SUL - ROUBO
Polícia Militar recupera veículo Fiat Palio furtado e autor de furto é preso em Fátima do Sul
FORA DO HABITAT
Garotos tentam comprar ‘ração’ para jacarezinho, mas abandonam ‘pet’ selvagem em MS
ACIDENTE FATAL
Acidente deixa 9 feridos; 3 crianças estão entre as vítimas em MS
VIOLENCIA DOMESTICA
Esposa se nega a manter relações sexuais e acaba espancada e mantida em cárcere por 6 dias em MS
ACIDENTE TRÁGICO
Vitimas do acidente na BR 177 são identificadas: 3 são da mesma familia
ASSASSINATO
Mulher é encontrada morta e sem roupa; ex-marido é procurado
CORRUPÇÃO NA SAUDE
MP aponta 'vergonhosa fraude' e aciona prefeito a devolver R$ 4,136 milhões