Menu
SADER_FULL
sábado, 30 de maio de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
INFANTICIDIO

Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia

A Polícia Civil confirmou que as agressões contra o padrasto foram gravadas em um celular que estava com os detentos.

19 Jun 2019 - 08h27Por Goionews

                               O bebê de quatro meses que foi encontrado morto em Campo Mourão, após uma briga de casal, não tinha nenhuma lesão e a provável causa da morte foi asfixia.

                               Vizinhos interrogados no inquérito disseram ter ouvido muitos gritos em razão da briga entre o casal e choro da criança. Eles contaram que a mulher gritou que o companheiro havia sentado sobre a cabeça de seu filho. Já quando o dia amanhecia, ela teria voltado a gritar, a ponto de ser ouvida por vizinhos, que o amásio havia matado a criança. 
                               Segundo o delegado de Campo Mourão, Nilson Rodrigues da Silva, o padrasto da criança nega o crime e diz que foi a mãe que deixou o bebê todo enrolado em cobertas. 
                               Para Nilson Rodrigues, o padrasto e a mãe são responsáveis pelo crime: “Os dois foram autuados em flagrante por homicídio, pois além de estarem brigando, havia drogas e bebida alcoólica no local, ou seja, a criança estava em total estado de abandono”. 
                               A criança de apenas quatro meses foi encontrada morta na manhã de segunda-feira, 17, em uma residência localizada na Rua José Roberto Rodrigues, no jardim Modelo, em Campo Mourão.
.
ESPANCADO NA CADEIA
.
                               Após ser preso, o padrasto do bebê de quatro meses que foi encontrado morto em Campo Mourão, foi espancado por outros presos na noite de segunda-feira (17) e cenas da suposta agressão foram filmadas e circulou em redes sociais.
A Polícia Civil confirmou que as agressões contra o padrasto foram gravadas em um celular que estava
com os detentos. O delegado informou que o aparelho foi apreendido e que vai instaurar um inquérito para investigar as agressões e a entrada do celular na cadeia. O homem foi colocado em uma cela isolada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO EM MS
Amigos choram perda de casal assassinado na frente de filha de 3 anos em MS
ACIDENTE DE TRABALHO
Funcionário se joga de caminhão sem freio, mas morre atropelado
ASSASSINATO A ESCLARECER
Homem é executado com 6 tiros a 'queima-ropa' durante partida de futebol em MS
COVID-19
Delegacia de Ponta Porã é fechada após policiais testarem positivo para covid-19
INDIGNAÇÃO
Morte de homem negro asfixiado por policiais nos EUA gera indignação internacional
VICENTINA - DESAPARECIDO HÁ 73 DIAS
Desaparecido há 73 dias, família não perdeu a esperança de encontrar seu Manoel em Vicentina
BARBÁRIE
Jovem é espancada e queimada viva por multidão no meio da rua
ESTUPRO
Homem é preso em flagrante tentando estuprar mulher desacordada
ACIDENTE FATAL
Motociclista invade pista contrária, bate em caminhão e morre na BR-060
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casa pega fogo, família com 8 crianças fica só com a roupa do corpo e precisa de doações