Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 25 de fevereiro de 2021
SADER_FULL
Busca
BONITO

Padrasto é preso acusado de estuprar duas enteadas menores no interior de MS

16 Out 2013 - 14h15Por Mídia Max

Um homem que não teve a identidade e nem mesmo a idade reveladas foi preso pela polícia civil de Bonito,e sob a acusação de ter molestado duas enteadas menores de idade, em diversas oportunidades.

De acordo com a apuração da polícia, os fatos aconteciam no interior da residência da família e em uma oportunidade em uma construção próximo ao prédio da Prefeitura Municipal. Foram constatados relações sexuais e atos libidinosos.

Casado há 13 anos com a mãe das garotas, o homem constantemente assediava as meninas. Em janeiro deste ano foi com uma delas até a Praça da Liberdade e ambos consumiram bebida alcoólica. No local estavam outras amigas da garota, menores de idade e que também estavam bebendo.

Ao falar que desejava usar um banheiro, o acusado indicou uma residência próxima que seria de um familiar. O acusado a acompanhou em determinado momento afirmou que desejava manter relações sexuais com a mesma. Diante da recusa retornaram à praça e continuaram a ingerir bebida alcoólica.

Como a garota passou mal em virtude do excesso de bebida, o acusado se prontificou a levá-la para casa e no caminho, na Rua das Flores, aproveitando que a vítima havia perdido os sentidos, praticou o estupro. No dia seguinte, o padrasto teria comunicado a vitima do acontecido.

Depois disso o assédio passou a ser constante, mas sempre a vitima recusava o contato físico.

Mesmo com a menor fugindo do padrasto, este ainda conseguiu passar a mão em suas pernas uma vez. Posteriormente, alegando querer conversar, o acusado trancou a vítima no quarto e, a força, manteve relações sexuais.

Após os fatos, a vítima procurou não ficar mais sozinhas com o acusado, passou a namorar um rapaz e engravidou. Suspeitando que o filho era o seu, o padrasto chegou a sugerir o aborto, que foi recusado.

A outra enteada denunciou que quando tinha 14 anos o padrasto a chamou para o quarto e ali se relacionaram sexualmente. A vítima afirma que frequentou psicólogos em razão do trauma que teve por estes fatos assim como menciona que deixou de residir com a mãe porque sempre que estava sozinha, o padrasto lhe procurava para nova ralação sexual.

Os fatos somente vieram à tona em razão da primeira vítima ter contado à diretora de sua escola que, por sua vez, noticiou os fatos ao Conselho Tutelar que encaminhou a vítima à delegacia para o registro da ocorrência policial. A segunda vítima foi submetida a exame de corpo de delito que foi juntado no inquérito e atesta que a vítima não é mais virgem.

Foi solicitada a prisão preventiva do acusado, a qual foi deferida pelo Poder Judiciário e, com isso o padrasto foi preso e encontra-se recolhido em uma das celas da Delegacia de Polícia Civil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Idoso invade barraco e abusa de criança de 11 anos em Maracaju
ABUSO SEXUAL
Esposa de pastor sabia de abusos sexuais contra fiel no Macaúbas; igreja é fechada em MS
TENTATIVA DE LATROCINIO
Major aposentado do Exército é baleado por assaltantes em Campo Grande
ENCONTRADA
Jovem de Glória de Dourados que estava desaparecida procura por atendimento no hospital de Itaporã
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS reforça segurança pública e entrega 127 novas viaturas e 590 previsto para 2021
ENCONTRADA
Professora que desapareceu em Campo Grande ao sair para almoço de família é encontrada
SONAMBULA
Fisioterapeuta cai de janela de hotel após crise de sonambulismo
REPORTAGEM DO FANTÁSTICO
Delegada trocava favores e falava informalmente com Padre Robson: 'oi, sumido'
CRIME PASSIONAL
Corpo encontrado sem cabeça em MS, é identificado pela mãe graças a tatuagem
AFOGAMENTO
Mulher que não sabia nadar tenta ajudar marido e casal desaparece em rio