Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 29 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
CORPO SUMIU

No enterro da mãe, filha descobre que corpo do pai sumiu em Campo Grande

Duas mulheres desconhecidas estavam enterradas no local destinado à família

13 Ago 2020 - 07h53Por Topmidia news

Além da dor de enterrar a mãe, morta por covid-19, a técnica de enfermagem Maria de Fátima da Silva Santana sofreu outro desgosto: descobriu que os restos mortais do pai ‘’desapareceram’’ do cemitério Memorial Park, no sábado (8), em Campo Grande. 

Conforme o relato, a família havia contratado um plano pós vida para enterrar o pai e a mãe no mesmo jazigo, que tem duas gavetas. No doloroso momento de colocar o caixão da mãe na gaveta, ao lado da do pai, foi descoberto que ela estava ocupada. 

Ainda segundo a denúncia, nesse momento, a empresa funerária sugeriu que ela pagasse para exumar o corpo do pai e colocar o da mãe. A surpresa veio com a abertura dos caixões das duas gavetas do jazigo, no quais os restos mortais eram de duas mulheres que a família sequer conhece. Diante da situação, a mãe dela foi enterrada em outro jazigo.

A técnica de enfermagem ficou indignada e cobrou respostas da empresa, mas até agora não houve resposta. 

"... eles não sabem se foi exumado, se foi cremado... foi um rolo. Minha mãe era para ser sepultada às 9h, foi sepultada próximo ao meio-dia’’, relatou Santana. 

Ainda abalada, Santana sugere que algo mais grave aconteceu com os restos do pai. 

"A única explicação que a gente achou foi que eles estão retirando o corpo das pessoas mais antigas ali, com nove, dez anos [de falecimento] e estão revendendo novamente as gavetas... porque não tem explicação isso aí’’, acusou a filha. 

Sepultador não achou restos mortais do pai de Santana. (Foto: Repórter Top)

A empresa pediu três dias para dar justificativas de onde está os restos mortais do pai. 

"Imagina você enterrar uma pessoa e descobrir que os ossos da outra pessoa sumiram? É um osso, tudo bem, mas é de um ente querido da gente...’’, lamentou novamente. 

Maria de Fátima lembra que o cemitério não poderia exumar o corpo do pai sem a autorização da família. Ela destaca, ainda, que vai pedir exames de DNA e que quer encontrar os parentes das mulheres enterradas nas gavetas que deveriam estar o pai dela. 

A empresa não retornou as tentativas de contato, mas em uma ata redigida no dia do sepultamento, o cemitério reconhece que houve o desaparecimento dos restos mortais.

O espaço fica aberto para posicionamento do Memorial Park. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Arma apreendida e as munições - Foto: Divulgação AQUI TEM BALA NA AGULHA
BALA NA AGULHA: Mulher é presa com espingarda calibre 32, mais 47 munições intactas e 50 munições 38
Os bombeiros faziam o combate às queimadas, quando os ribeirinhos pediram socorro AFOGAMENTO
Criança de 2 anos desaparece nas águas do rio Paraguai
MAL SUBITO
Corpo de homem é encontrado dentro de lagoa no Travessão do Castelo em Dourados
SOB INVESTIGAÇÃO
Marido encontra mulher morta dentro de poço em MS
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Governo investe R$ 5,4 milhões em munições para a Polícia Civil e Militar
ACIDENTE FATAL
Colisão entre caminhão e carreta mata uma pessoa na BR-262
Giba morreu no local do acidente - Foto: Douradosnews/Osvaldinho Duarte DEODÁPOLIS - FATAL
Homem morre após acidente envolvendo moto e camionete em Deodápolis
Fernando Pereira da Silva, 21 anos, morreu na manhã desta sexta-feira (25) ACIDENTE FATAL
Rapaz morre após bater moto em carro em MS
Eles estavam revoltados com um atropelamento que causou três mortes na região REVOLTA
Moradores se revoltam com atropelamento e incendeiam delegacia na fronteira
GLÓRIA DE DOURADOS - A ESCLARECER
Comerciante surtou no domingo e família pediu ajuda para 'internar ou prender' em Glória de Dourados