Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 4 de abril de 2020
SADER_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
Policial

Motorista de caminhão fica preso nas ferragens após colisão na BR 163

1 Out 2013 - 13h11Por Mídia Max

O motorista de um caminhão ficou preso nas ferragens, durante uma hora, na noite desta segunda-feira (30), depois de uma colisão no quilômetro 684 da BR-163, em Rio Verde, distante a 194 km de Campo Grande.

Leandro Pereira dos Santos, de 27 anos, foi retirado pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Hospital Municipal de Rio Verde com fratura exposta no joelho direito, além de outros ferimentos.

A vítima conduzia um caminhão MAN, frigorífico, placas MLK-3601 de São Miguel do Oeste (SC) e colidiu na traseira de uma carreta Volvo, bitrem, placas MCU-5660 do mesmo município.

O motorista do bitrem, Leonir Antonio Sotili, de 32 anos, nada sofreu. Os dois seguiam no sentido Rio Verde. Durante o resgate, a rodovia ficou totalmente interditada, causando pequeno congestionamento. Assim que foi liberado, o tráfego foi controlado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Leandro ficou preso nas ferragens do caminhão após a colisão

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FEMINICÍDIO NO MS
FEMINICÍDIO: Jovem de 26 anos é assassinada pela ex-marido com tiro no rosto em MS
CORONAVÍRUS NO MS
Contra o coronavírus, PM e Exército fazem operação e 'fecham' entrada que dá acesso a Bonito (MS)
DESCUMPRIMENTO
Guarda prende 9 e fiscaliza 60 comércios por descumprirem decreto em Dourados
ACIDENTE FATAL
Motociclista de 46 anos morre em choque com ambulância a caminho de socorro
FACÇÃO CRIMINOSA
Ex-faccionado era alvo, mas mulher foi morta no lugar dele com bebê no colo
QUARENTENA
Justiça mantém proibida a reabertura de igrejas em Campo Grande durante quarentena do coronavírus
VIOLENCIA DOMESTICA
Mesmo com medida protetiva mulher é esganada pelo amásio na frente dos filhos em MS
TOCAIA
Mulher é morta com tiros na cabeça dentro do veículo em MS
ASSASSINATO
Menina de 13 anos que estava desaparecida é encontrada morta com sinais de espancamento
ASSASSINATO
Enfermeiro mata a namorada médica após suspeitar que foi contaminado com coronavírus por ela