Menu
SADER_FULL
terça, 2 de março de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CAMPO GRANDE

Manicure falsificava exames para roubar bebês e pode ter ligação com tráfico de crianças

Polícia Civil apreendeu ontem ultrassons de três gestantes que estavam em nome da suspeita

4 Dez 2013 - 09h57Por Correio do Estado

A manicure Renata Silva de Jesus, 33 anos, acusada de participar do sequestro de uma recém-nascida em Campo Grande, teria falsificado resultados de ultrassom de outras três gestantes, apontam as investigações. Todos estavam em nome de Renata, como se ela tivesse feito os exames. A polícia investiga se a mulher tem envolvimento com tráfico de bebês.

De acordo com a Polícia Civil, os exames de ultrassom apreendidos foram feitos em duas clínicas de Campo Grande e estavam em nome da manicure. No entanto, diferem quanto ao sexo do bebê e o tempo de gestação, fatos que podem ser indícios de que a mulher estaria supostamente negociando recém nascidos. As verdadeiras mães devem ser ouvidas. A polícia quer apurar se houve participação delas no crime.

Sequestro
Segundo Paulo Sérgio Lauretto, da Delegacia Especializada em Atendimento à Criança e ao Adolescente (Depca), Renata Silva, que integra o grupo de sequestradores, estava grávida, mas perdeu o bebê recentemente. Por conta disso, despertou o interesse em substituir a criança perdida, sequestrando a recém-nascida.

Além de Renata, estão presos: Robison dos Santos Rossimaister, 22, suposto pai do bebê, Carlos dos Santos, 25, marido de Renata, e o estudante de Direito, Samir de Souza El Ossais, que dirigiu o veículo usado no crime. Já Hugo Vinícius de Lima, 19, conhecido como Jack, que também participou do crime, segundo a polícia, está foragido. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA VIOLENTA
Policial morreu durante invasão e ataque de seis a delegacia na fronteira de MS
ACIDENTE DE TRANSITO
Colisão frontal entre carreta e carro deixa motorista preso as ferragens em Itaporã (Fotos)
ESTUPRO
Pai é preso suspeito de engravidar filha de 14 anos em Dourados
TORTURA
Mãe raspa cabelo e sobrancelha do filho, filma agressão e acaba presa
Veículo pegou fogo com a colisão - Crédito: Osvaldo Duarte/ Dourados News ACIDENTE NAS ESTRADAS
Veículo pega fogo ao colidir em coqueiro entre Dourados e Itaporã, homem ficou preso as ferragens
Rave com mais de 500 pessoas é encerrada pela Guarda Civil de Campo Grande  Foto: GCM/Divulgação FESTA NA PANDEMIA
Rave clandestina com mais de 500 pessoas é encerrada pela Guarda
PLANTÃO FÁTIMA NEWS DEU RUIM
DEU RUIM: Adolescente tenta assaltar PM de folga e morre em MS
CARCERE PRIVADO
Homem é preso por cárcere privado e violência doméstica após mulher pedir socorro com foto nas redes
MUNDO DO CRIME
Após morrer de Covid-19 no mesmo dia, casal tem oficina invadida e furtada
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Jovem desaparece com namorado e família faz buscas em Aquidauana