Menu
SADER_FULL
terça, 1 de dezembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
UNIGRAN DOURADOS
CRUELDADE

Mãe deixa bebê sangrar até morrer e manda filho adolescente enterrar corpo em MS

30 Jan 2014 - 11h27Por DOURADOS AGORA

A Polícia Civil de Bela Vista indiciou uma mãe suspeita de deixar o bebê recém nascido morrer. Segundo o inquérito concluído ontem, no dia 4 de janeiro deste ano, a criança nasceu de parto normal e sangrou pelo cordão umbilical até o fim.

As autoridades foram comunicadas do fato, que teria sido encoberto pela família, depois que a mulher deu entrada em unidade hospitalar com forte hemorragia. Os médicos constataram que ela tinha estado gestante.

O Conselho Tutelar foi acionado e a mulher confessou que enterrou o filho no quintal da residência. Conforme a polícia, o filho dela, que tem 15 anos, também foi indiciado já que ele teria ajudado enterrar o corpo do irmão. Ele disse que comunicou o caso à avó e a um tio.

Mãe e o filho adolescente vão responder por homicídio qualificado. Os familiares dela vão responder por corrupção de menores. Eles alegam que não sabia da gravidez.

A mãe está presa na cadeia pública de Bela Vista e pode ir a juri popular. Se condenada, pode ficar presa de 12 a 30 anos, por homicídio, mais três anos por ocultação de cadáver e de um a quatro anos por corrupção de menores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EXECUÇÃO
Noite de terror deixa um homem morto, mulher e criança baleadas
TENTATIVA DE SUICÍDIO
Mulher perde guarda dos filhos e tenta se jogar de viaduto
MORTA NA CAMA
Esteticista é esfaqueada dois dias após 'casar'; Polícia investiga o marido
BRASIL - 173.229 MORTES
Casos e mortes por coronavírus no Brasil: 1° de dezembro, segundo consórcio de veículos de imprensa
IRREGULARIDADES
Seis postos de combustíveis abastecem menos do que o informado na bomba em MS
VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO
Em menos de 06 horas duas pessoas perdem a vida em acidentes de trânsito em Rio Brilhante
refens TERROR NA AGÊNCIA
Quadrilha sitia Centro de Criciúma e faz reféns em assalto a banco
Suspeito foi preso no assentamento onde morava com as vítimas. (Foto: Polícia Civil) CASO DE POLÍCIA
Homem estuprava as filhas de 11 e 14 anos e contava com o apoio da mãe em MS
SOB INVESTIGAÇÃO
Homem é encontrado morto dentro de banheiro de apartamento em Dourados
EXECUÇÃO
Homem é encontrado na fronteira com corpo carbonizado e com marcas de tiros