Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 2 de dezembro de 2020
SADER_FULL
Busca
SITIOCA ALVORADA
Menino de um ano e meio

Mãe abandona filho após tatuar criança e tentar remover com produto químico

20 Mar 2014 - 15h05Por R7

Uma criança de um ano e meio foi abandonada pela própria mãe em um posto de saúde de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, na última quarta-feira (20).

Segundo informações do sargento Washington Gonçalves, do Batalhão Rotam (Rondas Táticas Metropolitanas), a mulher fez uma tatuagem no próprio filho, que passou mal após o procedimento. Em seguida, a mãe tentou remover o desenho com removedor de tinta e causou uma grande ferida na perna do garoto.

Após dar entrada com o menino na Uai (Unidade de Atendimento Imediato)do bairro Guanabara, a mulher fugiu, deixando a criança, que chorava muito por causa do machucado, para trás. O desenho, que ficou deformado por causa da tentativa de remoção, se trata de um coração com uma frase.

Segundo os militares do 33º Batalhão da PM, responsável pela área, até o momento, não foi registrada nenhuma ocorrência sobre o caso. A mãe segue desaparecida e a criança está internada na unidade de saúde.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EXECUÇÃO NA NOITE
Adolescente é chamado no portão de casa e morto a tiros em MT
CAARAPÓ
Bombeiros acharam livro de satanismo e pai com bebê no colo 'velando' garota morta com mata-leão
PRORROGADO
Deputado Barbosinha articula com governo e consegue prorrogar validade do concurso da Agepen
ASSASSINATO
Homem de 27 anos é assassinado na área da favela em cidade do MS
AFOGAMENTO
Polícia Militar salva vítima de agressões e afogamento no interior de MS
APETRECHOS PROIBIDOS
Morador em Fátima do Sul é preso em flagrante armando redes de pesca na Ilha do Sol
OPORTUNIDADES
Detran inicia nesta quarta-feira (02), leilão de 479 sucatas aproveitáveis de motos e automóveis
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata mulher em boate e depois morre carbonizado em acidente
EXECUÇÃO
Noite de terror deixa um homem morto, mulher e criança baleadas
TENTATIVA DE SUICÍDIO
Mulher perde guarda dos filhos e tenta se jogar de viaduto