Menu
SADER_FULL
terça, 11 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
SEM PREVISÃO DE ALTA

Jovem que teria sido agredida está com 12 pinos na face e não tem previsão de alta

8 Jan 2014 - 13h59Por MICHELLE ROSSI E TARYNE ZOTTINO

Giovanna Nantes Tresse de Oliveira, de 19 anos, que teria sido agredida pelo namorado, Matheus George Tannous, 19, ainda não tem previsão de alta. Em recuperação, a jovem continua internada na Santa Casa de Campo Grande e já conversa com mais desenvoltura, mas de acordo com o pai, Luiz Carlos de Oliveira, diz não se lembrar direito do que aconteceu.

Depois da cirurgia reconstrutiva da face pela qual passou na última segunda-feira (6), Giovanna está com oito pinos na boca e quatro na mandíbula. Ela deve ser ouvida nos próximos dias por Rosely Molina, titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) e responsável pelas investigações. 

O suspeito compareceu ontem (7) à tarde à delegacia para prestar depoimento, depois de ter alegado, no período da manhã, que estava abalado e com medo de ameaças. Apesar de ainda não haver confirmação, a delegada considerou melhor que a jovem mantenha distância do rapaz e pediu medida protetiva, até a conclusão das investigações. Toda a família de Giovanna acredita que Matheus é culpado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTAVA DESAPARECIDO
Policial Militar é encontrado morto dentro de fossa e pode ter sido assassinado
FATALIDADE
Homem morre soterrado em armazém de soja enquanto fazia limpeza
SOB INVESTIGAÇÃO
Pai provoca acidente e mata filhos no Dia dos Pais
HOMICIDIO
Homem é morto em MS e moradores 'entregam' autor do crime para PM
ASSASSINATO
Rapaz que levou 18 tiros dentro de veículo morre em Dourados
SEQUESTRO
Pai é morto pela polícia ao ameaçar matar filha de três anos em milharal
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe vai à igreja e filho de 21 anos estupra irmã de 8
SURTO DA MACHADINHA
Empresário acusado de ameaçar prefeito 'peita' policiais penais e leva três tiros
AMEAÇAS DE MORTE
Empresário agride segurança e tenta invadir casa do prefeito
SOB INVESTIGAÇÃO
Criança morre em Dourados após passar mal e polícia investiga caso