Menu
SADER_FULL
segunda, 26 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
EXTORSÃO

Identificada mãe de santo envolvida em desvio de R$ 50 milhões em empresa

Juiz determinou bloqueio de contas, mas polícia ainda não sabe valor recuperado

8 Out 2020 - 10h05Por Campo Grande News

Especialista em amarração amorosa, limpeza espiritual, afastamento de rivais e união de casais. Esse é o currículo da mãe de santo paulista Juliana Sambugaro. Com a ajuda de uma cúmplice, identificada como “Mãe Jade”, Juliana comandou o desvio de R$ 50,8 milhões da conta de uma empresa de máquinas agrícolas de Dourados.

Foi a coordenadora financeira da empresa, supostamente temendo sofrer represálias de “espíritos malignos”, que desviou o dinheiro equivalente a um prêmio acumulado da Mega Sena. Como “penitência espiritual”, as transferências milionárias foram feitas exatamente durante um mês, de 28 de agosto a 28 de setembro. 

Revelado nesta segunda-feira, pelo Campo Grande News, o caso vem sendo investigado desde a semana passada após a própria funcionária denunciar a suposta extorsão à polícia.

 Polícia Civil já requisitou à Justiça o bloqueio das contas bancárias para as quais o dinheiro foi transferido. A planilha com as contas foi entregue pela funcionária da empresa. 

A maior parte está em nome de pessoas jurídicas. Ainda não se sabe o valor já recuperado, uma vez que o balanço do bloqueio depende de relatórios a serem enviados pelos bancos.

Juliana Sambugaro, suposta especialista em “amarração amorosa”, atua na Grande São Paulo. Na internet é possível encontrar fatos ligados a ela na capital paulista, em Diadema e Itaim Bibi. 

A coordenadora financeira da empresa também está sendo investigada. A Polícia Civil apreendeu o celular dela para ser periciado. O objetivo é descobrir se de fato ela foi vítima de extorsão ou se ajudou a furtar o dinheiro da empresa. 

A funcionária tem 34 anos de idade e desde 2018 fazia “consulta espiritual” com Juliana Sambugaro. O motivo que a fez procurar a mãe de santo ainda não foi revelado. Identificada em rede social como teóloga espiritual, Juliana é presidente da “Casa Luz Amor”. 

A polícia já sabe que a segunda suposta mãe de santo, identificada como “Mãe Jade”, atuou a mando de Juliana Sambugaro, a mentora do rombo milionário. 

Na versão da funcionária à polícia, a mãe de santo que a atendia desde 2018 passou a exigir transferências de valores da empresa, caso contrário lançaria uma maldição que ao final culminaria com o suicídio da douradense. 

Com medo de punição espiritual, a funcionária passou a fazer transferências para as onze contas bancárias apontadas pelas duas mulheres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA - ACIDENTE FATAL
Homem morre em capotamento na Linha do Major Pedro, em Vicentina
BARBÁRIE
Marido mata mulher a facadas dentro de casa durante almoço de domingo
CAPOTAMENTO
Carro capota várias vezes ao fazer curva na MT-412 e mata fotógrafo
PARAGUAI
Encontrado sete corpos em contêiner procedente da Sérvia
ACIDENTE FATAL
Carro capota, condutor morre e 3 pessoas ficam feridas em MS
Cena chocou moradores da região - Bruno Henrique/Correio do Estado LAMENTÁVEL
Cena chocou moradores, Motorista mata 4 capivaras e deixa para-choques em canteiro na Capital
AFOGAMENTO
Jovem de 25 anos morre afogado ao tentar atravessar lagoa em MS
VENDAVAL
Temporal deixa rastro de destruição em Caarapó
GLÓRIA DE DOURADOS - AÇÃO DA FORÇA TÁTICA
Jovem de 22 anos é preso pela Força Tática com 'super maconha' em Glória de Dourados
Vítima foi socorria às pessas pelos Bombeiros - Crédito: Osvaldo Duarte/Dourados News TENTATIVA DE ASSASSINATO
Homem é socorrido às pressas após levar golpes de facão na cabeça