Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 29 de novembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Angélica - polícia

Homem é preso suspeito de estuprar e roubar mulher em Angélica

Um homem de 30 anos foi preso em Angélica, suspeito de estuprar e roubar uma mulher.

31 Jan 2014 - 08h15Por Campo Grande News

Um homem de 30 anos foi preso no fim da noite de ontem (30) em Angélica, suspeito de estuprar e roubar uma mulher.

Segundo apurou o Ivinotícias, Genivaldo Pereira teria entrado na casa da vítima na última quarta-feira (29) à noite. A mulher assistia televisão com a filha quando o homem entrou pelo banheiro e ameaçou as duas com uma enxada.

O estupro, segundo as investigações da polícia, ocorreu em um terreno baldio próximo da casa. Além do abuso, o homem agrediu a mulher com tapas e puxões de cabelo. A vítima ainda teve o celular roubado pelo homem.

Depois de um dia de apurações e perseguições policiais, Genivaldo foi detido suspeito pelo crime. Foram colhidos materiais para o exame de DNA que irá comprovar se o preso é o mesmo que cometeu o abuso.

O caso continua sendo apurado pela Polícia Civil da cidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGEDIA NA RODOVIA
Pedi força a Deus, diz PM que atendeu ocorrência de acidente que matou a própria filha
ASSASSINATO
Ex liga para mulher dizendo que vai até a casa buscar documento da filha e mata atual namorado dela
ACIDENTE FATAL
Batida frontal entre carro e carreta mata jovem em Ivinhema
FESTONA NA PANDEMIA
Guarda Municipal acaba com 'festona' em flagrante com 119 adolescentes em MS
SEGURANÇA NO FIM DE ANO
Segurança no Estado durante as festas de fim de ano terá mais de 2 mil policiais nas ruas em MS
NOTÍCIA TRISTE
NÃO DEU TEMPO: 'Ceará' morre na véspera de encontro com os filhos que não via há 23 anos
FORÇA TÁTICA DE FÁTIMA DO SUL
Força Tática de Fátima do Sul apreende mais de 100 quilos de maconha
TRAGEDIA NA RODOVIA
Acidente entre ônibus e caminhão matou 41 pessoas
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
Mãe e Bebê de dois meses morrem após carro bater em coqueiro em Bonito (MS)
DISPARO ACIDENTAL
Quando colhia castanhas, Índia de 14 anos é morta com tiro disparado pelo próprio marido