Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
Busca
ABUSO SEXUAL

Esposa de pastor sabia de abusos sexuais contra fiel no Macaúbas; igreja é fechada em MS

Vítima recebeu fotos do pênis do religioso e foi agarrada à força nos fundos do templo

24 Fev 2021 - 12h15Por Topmidia news

A esposa de um pastor evangélico, de 51 anos, acusado de assediar uma fiel, na igreja do Jardim Macaúbas, em Campo Grande, confessou em público que sabia dos casos. O templo, que fica na rua Triângulo Mineiro, foi fechado por ela em razão dos escândalos. 

Para ver os detalhes da denúncia da jovem, clique aqui

As informações vêm de quatro fontes, entre elas a mãe da denunciante e outros membros da igreja. A vítima revelou o caso para os pais no dia 8 de fevereiro e, a partir daí, a notícia se espalhou entre os frequentadores do Ministério, inclusive os prints de mensagens trocadas entre o criminoso e a fiel, onde ele mostra o pênis. 

No domingo seguinte, dia 14, o pastor não apareceu no culto, somente a mulher dele. Ela pegou o microfone e disse que sabia dos casos de assédio e admitiu que o pênis nas imagens era do esposo. 

Na ocasião, dizem as testemunhas, ela chorou e disse que não compactuava com as atitudes dele, inclusive prometeu se separar. No entanto, prosseguiu com o casamento. Com a repercussão do caso, a maior parte dos fiéis abandou a igreja. 

Intimidação 

A mãe da vítima, de 50 anos, disse que somente agora que está se recuperando do choque em ver a filha abusada. Ela conta que dias antes da esposa confessar que sabia dos casos, ela e o acusado foram até a casa dela, tentar intimidar a filha. 

‘’Eles intimidam as vítimas até elas dizerem que é mentira’’, lamenta a mãe da fiel atacada. 

‘’... não deixei eles se aproximarem da minha filha. Expliquei para a mulher do pastor que o marido dela é um monstro... ela chorou e disse que estava destruída’’, garantiu. 

A mãe da vítima critica os ataques sofridos por ela e esclarece que a filha fingiu ‘’dar corda’’ para o criminoso apenas para coletar provas. As fotos de seios e decotes, que eram pedidos por ele, foram pegas aleatoriamente na internet e não são do corpo dela. 

Brincadeira?

Outro motivo de revolta por parte dela é que o pastor teria dito para o pai da vítima se ele o perdoaria pela ‘’brincadeira’’ que fez com a filha dele. 

A dona de casa disse que, na condição de mulher, sente as dores que a filha sofreu. 

‘’... é uma dor incalculável. A mulher é diferente do homem. Se tocou nela já é uma violência. Ninguém tem o direito de invadir o corpo de ninguém’’, refletiu a dona de casa. 

Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia da Mulher em Campo Grande. 

Tentamos novo contato com o pastor, mas o telefone não atendeu. Não conseguimos contato com a esposa do suspeito. O espaço está aberto à manifestação dos envolvidos. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EM CACHOEIRA
Mãe e filha morrem vítima de tromba d'gua em cachoeira; cunhado também morreu
ASSÉDIO À MENOR
Pastor é investigado após ser filmado beijando e oferecendo dinheiro a adolescente de 14 anos
UTRAPASSAGEM FATAL
Tio e sobrinho morrem "esmagados" por caminhão em rodovia
FATALIDADE
Bebê morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular
VAMOS AJUDAR
VAMOS AJUDAR: Família pede ajuda para encontrar jovem desaparecida
NOSSOS HERÓIS
Em 30 segundos bombeiro salva vida de bebê engasgada em MS, ASSISTA
AJUDA DO GPS
Após ficar 30h desaparecida, médica é encontrada em ribanceira com ajuda de GPS de celular
REVOLTANTE
A intérprete que descobriu na aula de Libras que pastor abusava de adolescente
LUTO NA POLÍCIA MILITAR
Sargento da Polícia Militar morre aos 44 anos por complicações da Covid
TIRADENTES
Tiradentes: no dia do patrono das polícias, Governo de MS destaca investimentos na segurança