Menu
SADER_FULL
quarta, 12 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
PANTANAL EM CHAMAS

Combate com 170 homens e chuva reduzem focos de calor no Pantanal

Combate com 170 homens e chuva reduzem focos de calor no Pantanal

7 Nov 2019 - 18h03Por Sílvio de Andrade - SubCom

A incidência de focos de calor no Pantanal de Corumbá, Miranda e Aquidauana, em Mato Grosso do Sul, reduziu significativamente nas últimas 24 horas com o combate intensivo da força-tarefa criada pelo Estado e a chegada das chuvas na região. De 120 focos registrados pelos satélites do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), ontem (6), nesta quinta-feira ocorreram apenas 22, sendo 16 em Corumbá.

“Estamos caminhando para o controle do fogo, com trabalhos de rescaldo e monitoramento aéreo e terrestre das áreas ainda críticas”, informou o tenente-coronel Fábio Catarinelli, coordenador da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec).

Catarinelli adiantou, com base em estimativa do Inpe, que a área queimada no Pantanal, desde o dia 26 de outubro, e na borda do Parque Estadual do Rio Negro somam 173 mil hectares. O combate aos focos que atingiram a borda e o Parque Estadual do Rio Negro está sendo realizado por 44 homens. Os focos no Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema foram debelados.

Chove na região

A Operação Pantanal 2, coordenada pelo Corpo de Bombeiros do Estado, conta com um contingente de 170 homens e cinco aeronaves. O efetivo foi reforçado esta semana com a chegada de 38 bombeiros do Corpo de Distrito Federal. Participam ainda das ações o Corpo de Bombeiros do Estado, Ibama (Prevfogo), ICMbio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), Exército, Polícia Militar Ambiental (PMA), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar de MS.

As chuvas que caíram na região atingida pelos focos de calor somaram 70 milímetros, na quarta-feira. Com as mudanças no cenário das queimadas, devido aos ventos, a base operacional de combate foi transferida da fazenda BR Pec, que teve uma extensa área queimada, para a fazenda Bodoquena, situada na margem da MS-243, entre Miranda e Corumbá. Voltou a chover na região, no período da tarde desta quinta-feira.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERIGOS DA NET
Mulher conhece homem pelo Facebook e é espancada dentro de motel no 1º encontro
DEODÁPOLIS - AÇÃO DA FORÇA TÁTICA
Traficante tenta fugir com 512 Kg de maconha e 9 Kg de Skank, bate carro e é preso em Deodápolis
ESTAVA DESAPARECIDO
Policial Militar é encontrado morto dentro de fossa e pode ter sido assassinado
FATALIDADE
Homem morre soterrado em armazém de soja enquanto fazia limpeza
SOB INVESTIGAÇÃO
Pai provoca acidente e mata filhos no Dia dos Pais
HOMICIDIO
Homem é morto em MS e moradores 'entregam' autor do crime para PM
ASSASSINATO
Rapaz que levou 18 tiros dentro de veículo morre em Dourados
SEQUESTRO
Pai é morto pela polícia ao ameaçar matar filha de três anos em milharal
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mãe vai à igreja e filho de 21 anos estupra irmã de 8
SURTO DA MACHADINHA
Empresário acusado de ameaçar prefeito 'peita' policiais penais e leva três tiros