Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 13 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE

Assistente administrativo do HU desaparece após sair do trabalho em Campo Grande

João Pedro Xavier saiu do trabalho de bicicleta por volta das 16h de ontem (21) e não foi mais localizado

22 Jul 2020 - 08h56Por Campo Grande News

Assistente administrativo, de 31 anos, está desaparecido desde a tarde de ontem (21) em Campo Grande, após sair do trabalho. Até o momento, familiares não tem notícias do paradeiro de João Pedro Xavier.

Segundo informações do boletim de ocorrência, João Pedro é funcionário do HU (Hospital Universitário), na Vila Ipiranga, e deixou o local por volta das 16h em uma bicicleta de cor branca com azul, mas não chegou em casa.

Familiares e amigos tentaram contato com João Pedro, mas o celular está desligado. A última vez que o aparelho foi ligado foi às 4h de hoje (22).

O caso vai ser encaminhado para a DEH (Delegacia Especializada em Crimes de Homicídios), que cuida de desaparecimentos. Informações sobre João Pedro podem ser repassados à polícia por meio do telefone 67 99238-4923 ou familiares pelos números 67 99267-0868 ou no 99290-9140.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Adolescente morre após encostar em carregador que estava na tomada
ACIDENTE FATAL
Motorista bate em trator e morre prensado na rodovia do MS
PERIGOS DA NET
Mulher conhece homem pelo Facebook e é espancada dentro de motel no 1º encontro
DEODÁPOLIS - AÇÃO DA FORÇA TÁTICA
Traficante tenta fugir com 512 Kg de maconha e 9 Kg de Skank, bate carro e é preso em Deodápolis
ESTAVA DESAPARECIDO
Policial Militar é encontrado morto dentro de fossa e pode ter sido assassinado
FATALIDADE
Homem morre soterrado em armazém de soja enquanto fazia limpeza
SOB INVESTIGAÇÃO
Pai provoca acidente e mata filhos no Dia dos Pais
HOMICIDIO
Homem é morto em MS e moradores 'entregam' autor do crime para PM
ASSASSINATO
Rapaz que levou 18 tiros dentro de veículo morre em Dourados
SEQUESTRO
Pai é morto pela polícia ao ameaçar matar filha de três anos em milharal