Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 25 de novembro de 2020
SADER_FULL
Busca
BANNER ALVORADA
DOURADOS - vídeo

Assista ao depoimento da mulher que mandou matar genro e acabou matando a filha

Ela alega que já foi violentada sexualmente pelo genro

30 Jan 2014 - 15h03Por 94 FM

Logo após ser presa, Maria Aparecida da Silva Oliveira, de 39 anos, concedeu entrevista à 94FM, para quem alegou que está arrependida. Ela se queixa que o plano deu errado, pois ao invés de matar o genro, a filha que acabou sendo morta. Maria também alega que já foi violentada sexualmente pelo genro, que segundo ela, é uma pessoa de alta periculosidade. Crime ocorreu na madrugada de ontem (29), no Jardim Água Boa, em Dourados.

Ela disse ainda que vivia em um intenso clima de tensão, pois sempre havia a iminência de que o genro poderia cometer alguma violência contra alguém da família. Maria explicou que o combinado era para que os executores do crime não atirassem dentro da residência, era para capturar o genro e executá-lo noutro local.

Confira o vídeo com o depoimento completo:

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA DE FILME DE TERROR
Vizinhos de massagista estão em choque com crueldade do crime em cidade do MS
TRAGEDIA NA RODOVIA
Violento acidente entre ônibus e caminhão em rodovia provoca 22 mortes
BARBÁRIE
Chargista é esquartejado e corpo colocado em malas
GOLPE
Pai e filha são vítimas de golpe em Dourados e perdem R$ 8,5 mil
VICENTINA - ACIDENTE
Freios falham e Fiat Strada bate em árvore e quase atinge banca de frutas em Vicentina
AFOGAMENTO
Corpos de adolescentes desaparecidos são encontrados em 'piscinão'
CHACINA
Mulher, marido, filho e amigo são executados em chacina na saída de garimpo
ESTUPRO
Homem é acusado de estuprar cunhada durante festa de família em MS
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador entrega novo quartel do Corpo de Bombeiros e visita obras de pavimentação asfáltica
BRIGA DE CASAL
Durante briga com mulher, homem fica ferido a facadas em frente de hotel em Dourados