Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 3 de agosto de 2021
Busca
Rio Negro - trama novelesca

Após largar vereador para ficar com prefeito, professora decide 'dar um tempo' na relação em MS

A mulher que trocou um vereador pelo prefeito teria, agora, abandonado o atual parceiro

22 Ago 2014 - 10h48Por Mídia Max

A trama novelesca que envolveu a administração municipal de Rio Negro, município de 5 mil habitantes a 140 quilômetros de Campo Grande, ganhou novos capítulos de uns dias para cá. A mulher que trocou um vereador pelo prefeito teria, agora, abandonado o atual parceiro, fazendo-o afastar do trabalho.

Moradores de Rio Negro dizem que o prefeito, Gilson Romano (PMDB), deixou de cumprir compromissos do cargo por conta do abandono da mulher. Ele, por sua vez, diz estar bem, trabalhando normalmente, e atribui comentários diferentes disto a rivais políticos.

“Isso não é verdade. Nessa época de política os adversários querem se aproveitar da minha vida particular. Ontem (quinta – 21) mesmo participei da Feira do Empreendedor na Capital e hoje (22) acabei de sair de uma reunião com a equipe municipal da educação. Eu sou forte para essas coisas, isso não me afeta”, acentua o prefeito.

Maria Luiza, professora e ex-secretária de Educação de Rio Negro, teria decidido 'dar um tempo' no relacionamento com o prefeito. Viajou para Campo Grande, onde pretende morar com os filhos.

Romano confirma que a mulher não está morando com ele em Rio Negro, mas nega o abandono. “Ela me pediu um tempo e foi passar uns dias em Campo Grande com a filha e o filho. Isso não é definitivo”, frisa.

No município, há quem diga que a Maria Luiza estava infeliz ao lado de Romano. “Ela vivia enclausurada. Não sabemos se era por ciúmes dele ou por causa daquele incidente, em que ela abandonou o vereador para ficar com Gilson”, relata um popular.

A história do casal ganhou notoriedade em abril deste ano. Na ocasião, o vereador Hélio Rezende (PMDB), então marido de Maria Luiza, abandonou o posto de líder do prefeito na Câmara Municipal depois de constatar que Romano era amante dela.

O casal, na época, afastou-se por alguns dias de Rio Negro, quando surgiram reclamações sobre o abanono da prefeitura. "Deram muita ênfase ao caso. Essas coisas acontecem todo dia. A vida pessoal é minha e eu vou resolver. O que importa é que meu trabalho seja cumprido em prol do crescimento de Rio Negro", disse o prefeito dias depois da história ganhar até mídia nacional.

Procurado pela reportagem do Midiamax, Rezende não quis comentar a situação da ex-esposa com o ex-aliado político. Ele estaria se relacionando com outra mulher. “Não sei de nada disso. Tem que perguntar para os envolvidos”, ressalta. Maria Luiza também foi procurada pela reportagem, mas não atendeu ás ligações. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMOR BANDIDO
Homem leva facada da esposa, perdoa e casal sai de mãos dadas da delegacia
VIOLENCIA NA CIDADE
Mulher invade culto e esfaqueia ex-marido em Campo Grande
SOB INVESTIGAÇÃO
Empresário é encontrado morto pelo pai em frente à residência em MS
FATALIDADE
Trabalhador rural de Cassilândia morre com suspeita de coice de vaca enquanto ordenhava
VIOLENCIA DOMESTICA
Agosto Lilás, a maior campanha de enfrentamento à violência doméstica de MS será lançada nesta terça
ACIDENTE FATAL
Trabalhador rural morre atropelado após atravessar rodovia para urinar
MARIA DO JACARÉ
Comerciante que atraía jacarés com berrante morre após acidente doméstico em Miranda
EXECUÇÃO
Primos são executados com mais de 30 tiros na fronteira de MS
AÇÃO DA PMA
Fazenda com 520 cabeças de gado sem comida, alguns são encontrados mortos, PMA autua arrendatário
Corpo foi encontrado no quintal da casa da vítima, em Sidrolândia (MS).  Foto: PMMS/Reprodução CASO DE POLÍCIA
Polícia encontra corpo de idoso enterrado em quintal e sobrinha confessa homicídio