Menu
SADER_FULL
quinta, 22 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
campo

Após denúncia de rinha, galos são apreendidos e dono é multado em R$ 5 mil

5 Mar 2014 - 09h21Por Campo Grande News

Ao apurar denúncia de rinha, a PMA (Polícia Militar Ambiental) localizou dez galos sofrendo maus-tratos em Campo Grande. O flagrante foi ontem na favela Portelinha, no bairro Coronel Antonino.

Os policiais não verificaram atividade de rinha, porém o crime de maus-tratos foi em virtude de as aves ocuparem gaiolas apertadas e expostas ao sol.

Policiais militares do 9º Batalhão tinham apreendido esporas artificiais, que são utilizadas durante as brigas, e luvas de bico, utilizadas durante o transporte dos animais.

Os dez galos foram apreendidos. O dono das aves, um trabalhador rural, foi multado em R$ 5 mil. Ele vai responder por crime de maus-tratos a animais, cuja pena vai de três meses a um ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Invasão em residência acaba morador morto por tiro acidental TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem mata o próprio irmão ao atirar em invasor de residência
Motorista da carreta diz que ainda tentou desviar, mas não conseguiu DOENÇA DO SÉCULO
Menor pega carro escondido, joga contra carreta e morre na hora
Márcio Pina e conhecido entre amigos como DOENÇA DO SÉCULO
Dono de auto elétrica é encontrado morto, suspeita de suicídio em Nova Andradina
MORTE SUBITA
Idoso morre em voo de Cuiabá para SP; avião faz pouso de emergência
NOVO GOLPE
Bandidos estão andando com máquinas de cartões para aproximar e roubar vítimas
Colisão ocorreu na BR-163, próximo ao Kanoa Fotos: Cido Costa TRAGICO ACIDENTE
Jovem morre e irmã fica ferida em colisão entre moto e carreta em Dourados
VACINA COVID 19
Resende defende obrigatoriedade da vacina contra a Covid em Mato Grosso do Sul
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo do Estado entrega 20 motos BMW para a PM e o Corpo de Bombeiros Militar
TRAGÉDIA NA CIDADE
Acidente entre trem e e micro-ônibus deixa uma mulher morta e feridos
VEJA VIDEO
Índio precisa buscar socorro a cavalo após ataque de onça