Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 27 de junho de 2022
BANNER IMPRESSORAS
Busca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS

Programa Mais Social garante alimento para famílias em situação de vulnerabilidade em MS

22 Mai 2022 - 12h02Por Airton Raes, Subcom

A Pandemia empurrou grande número de famílias para as favelas. São pessoas que já viviam na linha tênue entre serviço esporádico ou temporário e o desemprego e, consequentemente, sem renda mensal. Trata-se de grupo de pessoas considerados seres invisíveis da sociedade e agora estão se virando como podem para sobreviver ante uma crise sem precedentes. E, é aí que surge uma luz no fim do túnel. A vulnerabilidade, a desesperança e o fantasma da fome são amenizados por uma ação efetiva do Governo de Mato grosso do Sul.

Trata-se do programa Mais Social, um auxílio financeiro de R$ 300 para famílias em situação de vulnerabilidade. O benefício foi criado ano passado, junto com um pacote de outras ações, para socorrer os mais atingidos pela pandemia da Covid-19.

A maioria desta camada da população vive hoje de bicos, e na situação em que se encontra o País, muitos já nem conseguem emprego, e não sabem ao certo quando poderão voltar a retomar a vida de antes.

O recurso é muito bem-vindo para quem sofre com orçamento apertado e tem que pagar as contas e garantir o alimento de cada dia. 

Caso de dona Rosangela Aparecida da Silva, ela recebe R$ 300 mensal. Ela mora em uma pequena casa, na Rua Piraputanga, no Jardim Noroeste, junto com o marido, dois filhos e dois netos. Uma das filhas, de 24 anos, é a única a prestar serviço fora cuidando de um idoso. Pelo trabalho recebe R$ 400. Junto com o valor do Mais Social completa renda de R$ 700 mensalmente.

 “O Mais Social tem nos ajudado muito. Usamos o dinheiro para comprar gás de cozinha, arroz e feijão. O almoço de hoje é graças ao Governo do Estado”, disse Rosangela mostrando as panelas cheias de comida em cima do fogão.

Rosangela Aparecida da Silva fazendo almoço com o alimento comprado com o Mais Social 

Morando com o marido, dois filhos e dois netos na mesma residência, Rosangela explica que o benefício estadual tem sido praticamente uma das únicas rendas da família. “Recebemos R$ 300 do Governo do Estado e minha família ganha R$ 400 por mês cuidando de um idoso. O Mais Social é essencial e a garantia para que possamos comprar comida. Somos muito Gratos ao Governo do Estado”, completou.

O programa Mais Social atende famílias em situação de vulnerabilidade social, insegurança alimentar e nutricional. Cada família recebe o valor de R$ 300 por mês. O Mais Social pode ser utilizado em qualquer estabelecimento comercial para compra de comida e de itens de higiene. Os beneficiados também podem usar o cartão para a compra de gás de cozinha (GLP).

Há três meses, Edivani Silva de Lima conta com o benefício e afirma que tem sido fundamental para comprar alimento para a filha de um ano e três meses. Morando em casa de familiares, ela conta que o valor garente o leite da criança e o alimento do casal. “Eu e meu marido não conseguimos mais pagar aluguel e tivemos que deixar a nossa casa. Com a ajuda do Governo do Estado tenho conseguido comprar comida e leite para a minha bebê. Somos muito agradecidos por isso”, disse.

O programa do Governo do Estado beneficia pessoas com renda mensal familiar per capita inferior a meio salário mínimo.

Trabalhando como auxiliar de limpeza, Marileide Matias do nascimento também se enquadra nos critérios para receber o Mais Social. “Mesmo trabalhando é difícil manter a família. Com o programaeu consigo comprar alimento para os meus filhos. Graças a deus que temos esse benefício do Governo do Estado que nos ajuda”, disse.

O programa foi lançado em 2021, com a intenção de combater a insegurança alimentar no Estado, permitindo a seleção de famílias carentes para receber esta ajuda mensal, em uma medida que será permanente e não apenas temporário. No ano passado, o governador Reinaldo Azambuja ampliou o valor do benefício que passou para R$ 300 reais mês. A decisão veio em bom momento para engrossar a rendas das famílias que vivem com renda abaixo do salário mínimo e sofrem com as altas dos preços dos alimentos e do gás de cozinha, item que figura hoje como um dos vilões do orçamento familiar na hora de garantir o arroz com feijão na mesa desses sul-mato-grossenses.

Edivani Silva Lima utiliza o Mais Social para comprar comida para sua filha 

Aqueça uma vida

O frio deste ano promete ser mais mais intenso e o Governo do Estado ampliou a meta para a arrecadação de cobertores e agasalhos que são distribuídos para famílias em situação de vulnerabilidade. Todos os anos, desde 2016, a campanha ,"Aqueça uma vida", do Governo do Estado tem o objetivo de recolher mantas, cobertores e roupas de frio para doação. Encabeçada .pela Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD), a campanha tinha como participantes apenas o quadro dos funcionários do Governo de Mato Grosso do Sul, mas ganhou parcerias e amplia cada ano a meta da arrecadação.  

Na campanha, Governo de Mato Grosso do Sul também compra cobertores e distribui para os 79 municípios do Estado (Foto: Edemir Rodrigues)

Leia Também

MEGA FÁBRICAS EM MS
MS entra em nova era da celulose com megafábricas que vão investir mais de R$ 34 bilhões
ESCOLA DE PONTA PORÃ
EE João Brembatti Calvoso recebe mais de R$ 2,6 milhões de investimento, em Ponta Porã
INVESTIMENTO DO GOVERNO MS
Pavimentação da MS-320 integra rota da celulose e realiza sonho de produtores
Fotos: Chico Ribeiro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
MS ganha novo HR, a maior fábrica de celulose do mundo e mais investimentos no interior do Estado
Fotos: Chico Ribeiro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pavimentação da MS-320 integra rota da celulose e realiza sonho de produtores
FÁTIMA DO SUL - DIA "J"
Dia 'J' com tudo abaixo do preço será neste sábado no Mercado Julifran, Confira algumas ofertas
Fotos: Kelly Venturini, Semagro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo conclui entrega de 15 mil toneladas de calcário para todas as aldeias indígenas de MS
JORGE MERCADO ATACAREJO - FÁTIMA DO SUL - JORGE MERCADO
Neste sábado tem 'estoura balão' com vários prêmios e 01 Bike Houston no Jorge Mercado, VEJA OFERTAS
PAVIMENTAÇÃO FÁTIMA DO SUL À CAARAPÓ
Pavimentação da MS-278 que liga Fátima do Sul à Caarapó e já tem 40% dos trabalhos concluídos
INVESTIMENTO EM SEGURANÇA
Aeronave do DOF que irá incrementar segurança na fronteira já está no Estado