Menu
SADER_FULL
quinta, 18 de agosto de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
VAZIO SANITÁRIO

Plantio da soja em Mato Grosso do Sul segue proibido até o dia 15 de setembro

6 Jul 2022 - 07h59Por Adélio Ferreira

O plantio da soja em Mato Grosso do Sul segue proibido até o dia 15 de setembro. O chamado "vazio sanitário" da soja no Estado teve início em 15 de junho. Neste período é terminantemente proibido plantar ou manter vivas plantas de soja em qualquer fase de desenvolvimento.

Na safra do ano passado, a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) cadastrou 15.404 áreas com plantio de soja, com área declarada de mais de 3,2 milhões de hectares cultivados. Esse número representa um aumento de 13% de áreas cadastradas em relação à safra 2020/2021.
A medida fitossanitária foi estabelecida no Estado em 2006. Em maio de 2021, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) publicou a Portaria nº 306 instituindo o Programa Nacional de Controle da Ferrugem Asiática da Soja (PNCFS), o qual ratifica o vazio sanitário como principal medida para o controle do fungo causador da doença ferrugem-asiática da soja (Phakopsora pachyrhiz).
A doença é considerada uma das mais prejudiciais a cultura da soja. O fungo que causa a doença é do grupo biotrófico, o que significa que precisa de um hospedeiro vivo para se desenvolver e multiplicar. Ao eliminar as plantas de soja na entressafra, o ciclo do fungo é quebrado, reduzindo então a quantidade de esporos presentes no ambiente.
O período de plantio da oleaginosa no Estado acontece entre os dias 16 de setembro a 31 de dezembro e o cadastro de área plantada é obrigatório, devendo ser realizado no site do Iagro (www.servicos.iagro.ms.gov.br/plantio) no período entre 1º de setembro e 10 de janeiro.
A Iagro pode sanar as dúvidas dos produtores, além de repassar orientações ou receber denúncias. Para isso, o produtor pode entrar em contato com a Iagro através do 0800 647 2788.

 

Rosana Siqueira, da Subcom com informações da Iagro

Foto - Chico Ribeiro/Arquivo

Leia Também

PISO SALARIAL
Novo piso salarial para a enfermagem estrangula hospitais
COVID NO BRASIL
Brasil tem 247 mortes e 21.927 mil casos de covid-19 em 24 horas
100 ENERGIA
Sete bairros da Capital continuam com problemas de energia após tempestade
CHUVA E FRIO EM FÁTIMA DO SUL
Chove forte em Fátima do Sul e temperatura deve cair para 6º nesta sexta feira, 19
TRÁGICO ACIDENTE DE TRABALHO
Trabalhadores morrem soterrados após desmoronamento de terra em obra
VARÍOLA DOS MACACOS NO MS
Estado confirma dois novos casos de varíola dos macacos e número sobe para 12
CHUVA E FRIO
Previsão é de granizo, 8°C e até geada em MS
LUTO CAARAPÓ
Filho de ex-prefeito de Caarapó morre aos 80 anos em Dourados
TEMPORAL
Vendaval arranca árvores, danifica comércio e derruba portão de quartel em MS
BOVINOS PRECOCES
Programa Precoce MS reduz tempo de abate de bovinos em 17 meses e paga R$ 75 milhões aos pecuaristas