Menu
SADER_FULL
quarta, 25 de maio de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
MAIS SOCIAL

Mais Social avança e programa ganha cinco carros novos na Capital

19 Jan 2022 - 14h12Por Leomar Alves Rosa, Sedhast

Com mais de 60 mil beneficiários cadastrados, o Mais Social, programa do Governo do Estado, ganha reforço também na Capital com a entrega de cinco veículos novos para a equipe de Campo Grande. A entrega aconteceu nesta quarta-feira (19) no gabinete da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), no Parque dos Poderes.

“Estamos avançando em um ritmo forte no Mais Social. Já começamos 2022 com mais de 60 mil famílias cadastradas. Isso é excelente, pois são mais famílias com acesso aos R$ 200 reais disponibilizados pelo Governo do Estado. Agora, com a entrega de mais cinco veículos para a equipe de Campo Grande, vamos reforçar ainda mais nossa atuação na Capital e focar cada vez mais em oportunizar a comida na mesa das famílias em vulnerabilidade social”, declarou a titular da Sedhast, Elisa Cleia Nobre.

As visitas domiciliares são outra ponta do processo que envolve um grande número de profissionais, nos 79 municípios de MS. Cada visita é mapeada e os documentos necessários conferidos com clareza para que os recursos públicos investidos cheguem realmente nas mãos de quem precisa.

Com a entrega para a Capital, todos os 79 municípios do Estado contam com veículos novos do Mais Social. O reforço para Campo Grande se junta aos investimentos do Governo do Estado no programa, como a entrega de tablets para um cadastro mais rápido de famílias.

Elisa Cleia Nobre e a superintendente, Angela Nunes (esq)

Para Angela Nunes, superintendente de Benefícios Sociais da Sedhast e que coordena o programa, com os novos veículos as equipes poderão chegar com mais agilidade aos beneficiários, aumentado assim o número de famílias atendidas.

Mais Social

O Mais Social é um auxílio pensado pela equipe do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul para atender as famílias em situação de vulnerabilidade social, insegurança alimentar e nutricional. O programa paga R$ 200 mensais para beneficiários que têm renda mensal familiar per capita inferior a meio salário mínimo. As 100 mil famílias beneficiárias do Mais Social estão sendo extraídas conforme dados disponibilizados pelo CadÚnico.

Equipes da Sedhast estão realizando o contato com os beneficiários, portanto é necessário aguardar a visita desses grupos de trabalho que estarão devidamente identificados e respeitando as normas de biossegurança adequadas ao atual momento de pandemia.

 

 

Leia Também

COBERTORES PARA CAMPO GRANDE
Governo do Estado entrega mais de 14 mil cobertores para Campo Grande que promete entrega imediata
FRIO INTENSO NOVA FRENTE FRIA
Frio tá só começando, nova frente fria está prevista para semana que vem, veja a previsão
ONÇAS DO PANTANAL ENVENENADAS
Onças mortas no Pantanal foram envenenadas com agrotóxico proibido no Brasil
FOTO: ARQUIVO FAMILIAR FÁTIMA DO SUL DE LUTO
Fátima do Sul se despede de Adalgisa Kintschev, família informa horário do velório
MAUS TRATOS EM ASILO
Polícia investiga supostos maus-tratos em asilo de MS com idosos presos a cadeiras de rodas
COVID-19 NO MS VOLTOU A SUBIR
Casos de covid voltam a subir, mas procura por doses de reforço da vacina cai 63% em MS
LIÇÕES DA BIBLIA
O enganador enganado
AQUEÇA UMA VIDA
Jateí e 35 municípios do MS vão receber cobertores doados pelo Governo Reinaldo Azambuja
COVID 19 FIM DE EMERGÊNCIA
Covid-19: Mato Grosso do Sul decreta fim da Emergência de Saúde Pública
BOLETIM CORONAVÍRUS FÁTIMA DO SUL - BOLETIM COVID-19
Casos de Covid disparam e semana fecha com números preocupantes em Fátima do Sul