Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de janeiro de 2022
Busca
CARAVANA DA SAÚDE

Governo inclui novos exames e procedimentos cirúrgicos na Caravana da Saúde

12 Jan 2022 - 11h34Por Leonardo Rocha, Subcom

Resolução publicada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (12) inclui entre os procedimentos da nova fase da Caravana da Saúde os exames de cateterismo, litotripsia e urodinâmica, além de operações de ortopedia. Eles farão parte do “Examina MS” e “Opera MS”, que visam reduzir a fila de espera na saúde pública de Mato Grosso do Sul.

A expectativa é que sejam realizados 1.227 exames de cateterismo, 400 procedimentos de litotripsia (exame de pedra nos rins realizada por ultrassom) e 1.353 de urodinâmica. Estes procedimentos são novidades desta edição da Caravana da Saúde.

Para estes procedimentos poderão ser feitos atendimentos eventuais ou mutirões, no período de janeiro a abril deste ano. Caberá às secretarias municipais de Saúde, juntamente com os estabelecimentos de saúde, fazerem as adesões ao programa estadual.

Esta adesão e a proposta com a estimativa da quantidade de procedimentos a serem realizados em relação a estes exames e operações, devem ser encaminhadas para SES de 17 a 21 de janeiro.

A regulação do acesso dos pacientes atendidos no programa será feita pelo sistema do Core (Complexo Regulador Estadual) e a para solicitação de vagas a Central Estadual de Regulação Ambulatorial (Cera) dará preferência aos casos de maior gravidade e maior tempo de inserção no sistema.

A SES poderá, a qualquer tempo, repactuar os limites financeiros programados ou fazer o remanejamento para os municípios ou unidades de saúde contratadas. Também terá aval para alterar o rol de procedimentos para melhorar a execução do programa. (Confira a publicação)

Nova etapa

Lançamento da Caravana da Saúde (Foto: Chico Ribeiro)

O governador Reinaldo Azambuja lançou em dezembro do ano passado a nova etapa da Caravana da Saúde, que terá investimento superior a R$ 120 milhões. São previstos mais de 70 mil procedimentos médicos de média e alta complexidade, em duas modalidades: Opera MS e Examina MS.

Os exames e cirurgias eletivas tem previsão de seguir até outubro deste ano, em atendimentos exclusivos em unidades hospitalares e clínicas médicas credenciadas pelo Governo do Estado. 

Entre as cirurgias se destacam as ortopédicas, vasculares, oftalmológicas, de otorrinolaringologia e urológicas. No rol de exames aparecem ressonâncias magnéticas, tomografias computadorizadas, ultrassonografias, cardiovasculares, de cintilografia, endoscopia e colonoscopia.

“A pandemia paralisou as cirurgias eletivas e os exames em todo o Estado. Nisso, criou-se um passivo enorme de pessoas aguardando na fila. Pelo menos 70 mil. Então, retornamos a Caravana, contratamos hospitais públicos e abrimos o credenciamento para hospitais privados. Serão feitos 70 mil procedimentos, podendo chegar a 100 mil”, afirmou o govenador Reinaldo Azambuja.

Leia Também

BAIXA RENDA
Auxílio Gás: governo libera o pagamento no valor de R$ 52
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil tem um aumento e registra 351 mortes em 24 horas
EFICIENCIA
Com logística ágil, vacinas chegam em tempo recorde em Fátima do Sul e 78 municípios do Estado
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com obra do Governo do Estado, Cachoeirão se prepara para novo ciclo do turismo
DOAÇÃO DE SANGUE
Doações de sangue aumentam na Rede Hemosul, mas 2022 já apresenta dificuldades
SEGURANÇA PÚBLICA
Feminicídios reduzem 83,3% em Campo Grande, aponta Secretaria de Justiça e Segurança Pública
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
Com 02 na UTI, casos de Covid sobem para 146 positivos em Fátima do Sul
SAÚDE MENTAL
Janeiro Branco | 5 apps para cuidar da saúde mental recomendados pelo Google
FOTO: FÁTIMA NEWS FÁTIMA DO SUL - AGORA É OBRIGATÓRIO
Uso de máscara e passaporte de vacinação para atividades aquáticas é obrigatório em Fátima do Sul
OMICRON
Brasil dobra contágio nas 24h e registra 74,1 mil novos casos de covid-19 e 121 mortes