Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 21 de janeiro de 2022
Busca
AÇÕES DO GOVERNO MS

Governo do Estado destrava pavimentação da MS-352, em Terenos, prometida há anos

O Governo do Estado investe R$ 21.229.331,08 em 15 quilômetros da estrada a partir do entroncamento com a BR-262.

6 Dez 2021 - 07h00Por Portal do MS

Promessa de outros governos, a pavimentação da MS-352, em Terenos, é recebida com gratidão pelos produtores e moradores da região conhecida como Ponte do Grego. O Governo do Estado investe R$ 21.229.331,08 em 15 quilômetros da estrada a partir do entroncamento com a BR-262.

Morador há 35 anos na região, o produtor rural Lorivaldo de Souza Gomes, de 66 anos, já perdeu as contas de quantas vezes viu carros atolados na estrada em dias chuvosos e relembra a dificuldade que viveram por muitos anos. “Era difícil, quanto mais no tempo de chuva se tornava mais complicado. Agora vai ser uma maravilha. Só benefício, alegria e agradecer ao Governo do Estado. Antes eram só promessas e agora estamos aí, com a obra em andamento”, afirmou.

Quem já sofreu muito com as condições da rodovia é o motorista Rodrigo Silva Campos, de 28 anos, que trabalha em uma propriedade rural há seis anos. “Era muito difícil o deslocamento na rodovia não pavimentada. O tempo que você perde na estrada quando não tem asfalto, ainda mais quando chove e a gente atola, perde tempo e o dia de serviço. Agora está bem melhor, e quando passar o asfalto vai ficar excelente”, comemorou.

O presidente do Sindicato Rural de Terenos, Cleiton Rocha, que também tem uma propriedade a beira da rodovia, reforça que a pavimentação da rodovia é um anseio antigo da população local, muito prometida em outros governos. "Sempre falavam que iriam fazer, mas nunca acontecia. Estamos muito felizes pois é uma mão na roda, até para o escoamento. Sem asfalto dificulta tudo. A pavimentação da rodovia também vem para valorizar as terras. Temos só que agradecer, para nós foi uma benção”, disse.

A obra teve início em junho deste ano e vai beneficiar diretamente 40 produtores rurais da região da Ponte do  Grego. De acordo com o engenheiro responsável Flávio Alves, já foram executados serviços de terraplanagem nos primeiros 5 km da estrada e, a próxima etapa é prepará-la para receber o asfalto, e então seguir para os serviços em mais cinco quilômetros até chegar aos 15 km previstos nessa primeira  fase de obra.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel, a pavimentação leva desenvolvimento. "Mais do que simplesmente asfalto estamos falando de criar ferramentas para o desenvolvimento do Estado, como neste caso em que o pavimento garante tanto a segurança para quem transita, como maior agilidade e economia para aquisição de insumos e escoamento da produção. Neste sentido, a roda de desenvolvimento traz empregos e renda à população", afirmou. 

Joilson Francelino, Subcom
Fotos: Saul Schramm

Leia Também

MS FORTE
Tesouro Nacional classifica MS entre as melhores gestões do País
(Foto: Agência Brasil) SORTUDOS DO MS
Ganhadores de MS acertam a quina e levam prêmio de R$ 38 mil
Raquel dos Passos - SAD PROCESSO SELETIVO SES/AGEPEN
SAD divulga inscrições deferidas e indeferidas em processo seletivo da SES/Agepen
AÇÕES DO GOVERNO MS
MS-352: asfalto é alívio no acesso à Ponte do Grego, palco de tragédias e manifestações
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab ainda tem 916 vagas para indígenas trabalharem nas lavouras de maçãs em SC e RS
FERROESTE
De grãos a celulose, retorno da malha ferroviária vai movimentar cadeias produtivas de MS
Estimativas da safra de café de 2022 são abaixo dos resultados de 2020. Conab afirma que é reflexo das condições climáticas AGRONEGÓCIO
Conab prevê safra de café de 55,7 milhões de sacas em 2022
FÁTIMA DO SUL - MERCADO JULIFRAN
Confira as OFERTAS DA SEMANA do Mercado Julifran em Fátima do Sul
 REUTERS/Paulo Whitaker Colheita de cana-de-açúcar não deve sofrer alterações da previsão publicada em novembro de 2021 ECONOMIA
Moagem de cana no centro-sul deve atingir 565,3 milhões de toneladas em 2022/23
BAIXA RENDA
Auxílio Gás: governo libera o pagamento no valor de R$ 52