Menu
SADER_FULL
quarta, 25 de maio de 2022
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AUMENTOS ROTATIVOS

A fome por lucros da Petrobrás

Confira o artigo desta quarta-feira (11) de Marcelo Salomão

11 Mai 2022 - 12h20Por Correio do Estado

Já está virando rotina: aumento de combustíveis! Dessa vez foi somente o diesel. Com a justificativa de que o combustível não sofria reajustes desde o último 11 de março, a Petrobras anunciou elevação do preço do diesel para as distribuidoras a partir de 10 de maio de 2022. 

Com a alta anunciada, o preço médio do litro vai passar de R$ 4,51 para R$ 4,91, ou seja, ficará quarenta centavos mais caro. Segundo a Petrobras afirmou em nota, ela segue outros fornecedores de combustíveis do Brasil que já promoveram ajustes nos seus preços de venda acompanhando os preços do mercado. 

Ora, justificativas a parte, o fato é que o novo aumento vai ser sentido diretamente no bolso do consumidor, que já vem sendo brutalmente impactado por aumentos sucessivos no preço médio da gasolina. 

O reajuste de 8,87% do diesel nas refinarias por certo influenciará diretamente no fortalecimento do “fantasma da inflação” que vem aterrorizando os consumidores, já que implicará em aumento dos valores dos fretes, culminando com a alta dos alimentos. 

Assim, quem novamente pagará a conta é o consumidor que sentirá de forma quase que instantânea o aumento na próxima feira livre. Outro importante impacto será com certeza o transporte público. 

Embora a Petrobrás justifique o aumento em um suposto “desequilíbrio” no mercado, não podemos deixar de refletir que, dentre os princípios norteadores da política nacional de proteção e defesa do consumidor, descritos no artigo 4º do Código de Defesa do Consumidor - CDC estão os princípios da vulnerabilidade do consumidor, da transparência, da boa-fé objetiva e da coibição e repressão eficiente de todos os abusos praticados no mercado de consumo. 

Neste sentido, nós, consumidores, vulneráveis e hipossuficientes é que devemos, à luz do CDC, ser protegidos de abusos praticados no mercado de consumo, causados, diretamente, por aumentos sucessíveis de combustíveis, lembrando que o espírito principal do CDC é justamente restabelecer o equilíbrio entre consumidor – fornecedor em toda e qualquer circunstância mesmo diante da “fome” por lucro da Petrobras, ainda mais quando o produto envolvido na relação de consumo é tão essencial como o diesel.

 

Leia Também

FOME NO BRASIL SUPERA MEDIA GLOBAL
Fome no Brasil supera média global e atinge mais as crianças
COBERTORES PARA CAMPO GRANDE
Governo do Estado entrega mais de 14 mil cobertores para Campo Grande que promete entrega imediata
VELOCIDADE DA INTERNET
Governador sanciona lei que obriga empresas informarem velocidade da internet na fatura
INVESTIMENTO DO GOVERNO MS
Governo investe R$ 6,5 milhões para reforma geral da Escola Roberto Scaff, em Anastácio
FOTO: UNIGRAN DOURADOS UNIGRAN DOURADOS
Ciências Contábeis: campanha orienta sobre declaração do Imposto de Renda
FÁTIMA DO SUL - JORGE MERCADO
Confira as OFERTAS TOP 10 desta quarta e quinta-feira do Jorge Mercado Atacarejo em Fátima do Sul
NOVA FERROESTE
Nova Ferroeste é reconhecida como projeto sustentável pela Coroa Britânica
FÁTIMA DO SUL - MERCADO JULIFRAN
Confira as OFERTAS da semana e quarta verde do Mercado Julifran em Fátima do Sul
SHOWTEC MARACAJU
Governador entrega obra e participa da abertura do Showtec em Maracaju
Land Rover Discovery (Foto: Divulgação) LEILÃO ONLINE
Com lances abertos, leilão do TJMS tem Land Rover por R$ 40,5 mil e Camaro a R$ 46,6 mil