Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 29 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ZANZI
GLÓRIA A DEUS

Recém-nascido tratado no Hospital Regional vence a Covid-19

Recém-nascido tratado no Hospital Regional vence a Covid-19

9 Ago 2020 - 13h20Por Rodrigo Ostemberg, HRMS

O Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS), referência no tratamento da Covid-19, recebeu um recém-nascido no último dia 21 de julho regulado do Hospital Universitário, com fortes suspeitas de Covid-19 e que obteve a cura da doença. Segundo relatos da mãe, o bebê teve contato domiciliar com parentes e amigos com sintomas gripais. A criança, em seguida, teve febre alta e obstrução nasal, o que a levou a procurar o hospital. Com isso, foi admitida no HRMS no dia 21 de julho e fez o teste no mesmo dia.

No dia 24 saiu o resultado positivo para a Covid-19. Desde então, a criança, que hoje tem 1 mês e quatro dias de vida, esteve internada no CTI por 14 dias, considerando que deu entrada no dia 23 no CTI Pediátrico com insuficiência respiratória grave. Nesta quarta-feira (05.08), o pediatra Toufic Baruki Neto deu alta do CTI à criança, que já se encontra na enfermaria pediátrica acompanhada pela mãe.

 “Ela (a criança) respondeu muito bem ao protocolo médico dado as infecções e inflamações ocasionadas em decorrência da Covid-19, mas nos primeiros dias nos deixou bem preocupados”, relata a médica pediatra e neonatologista do HRMS, Tatiana dos Santos Russi, que ressaltou a vontade da criança de sobreviver e os esforços da equipe multidisciplinar do CTI Pediátrico.

Para a diretora-presidente do Hospital Regional de MS, Rosana Leite de Melo, é um alento em meio à pandemia o renascimento de uma criança que, com menos de um mês de vida, se vê doente por uma patologia traiçoeira e totalmente nova para a medicina. O boletim médico do HRMS, referente ao dia 05, mostra que haviam três crianças com fortes suspeitas de covid-19 e duas internadas com o novo coronavírus, o que reforça o apelo: “Fiquem em casa, protejam seus filhos e sua família”.

A criança vai seguir todo o protocolo e vai manter o isolamento por mais sete dias. A mãe foi orientada a manter atualizada a carteirinha de vacinação da criança.

A equipe médica multidisciplinar do CTI Pediátrico é composta pelos médicos: Dr Toufic Baruki Neto, Dra Priscilla Costa, Dra Tatiana Russi, Dra Silvia Yonamine, Dr Rômulo Kuroda, Dr Alecsander de Alexandre, Dra Ana Carolina Cordera, Dra. Paola Mari. Fisioterapeutas: Elisângela Xavier, Joice Siqueira Borges, Denise Perez, Gabriela Amaral. Enfermeiras: Rosineia Jesus Araújo, Ana Carolina Rodrigues Leite, Mirian Placencio, Kassia Cristina Soares. Técnicas de enfermagem: Leidiane Grasielle, Regiane Vilalba, Rosangela Escobar, Lucineia dos Reis, Francislaine de Oliveira, Francis Laranjeira, Vanusa Ferreira, Gisele Urias, Gleyce Message, Mikelle Barbosa, Lucimeire de Oliveira. Residentes de Medicina Intensiva Pediatrica: Kristyn Back de Arruda e Laiza Rodrigues.

Tocador de vídeo
 
 
 
00:00
 
00:06
 
 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

FOGO NO PANTANAL
Queimadas no Pantanal destroem oito pontes de madeira; na MS-243 e MS-195
AFOGAMENTO
Corpo de menino que caiu no rio é encontrado pelos bombeiros em MS
SEQUESTRO
PM prende jovem e liberta família que era mantida em cárcere privado em chácara em Bataguassu
MS - 1.293 MORTES
MS se aproxima de 69 mil casos de coronavírus e soma 1.293 óbitos
CRIME BÁRBARO
Marido foi quem matou mulher e jogou dentro do poço; criança presenciou o crime
CADASTRO
MSGás está com edital aberto para estagiários em Campo Grande e Três Lagoas
CONCURSO PÚBLICO NO MS
CONCURSOS PÚBLICOS: Mato Grosso do Sul oferece mais de 900 vagas, confira
Os bombeiros faziam o combate às queimadas, quando os ribeirinhos pediram socorro AFOGAMENTO
Criança de 2 anos desaparece nas águas do rio Paraguai
AÇÕES DO GOVERNO MS
Repasses do Estado para saúde da capital somam R$ 132 milhões desde janeiro deste ano
Marcela, Patrícia e Ilda disputam à reeleição. ELEIÇÃO 2020
Com 79 municípios, mulheres são candidatas à prefeitura em apenas 29 cidades de MS