Menu
SADER_FULL
sábado, 22 de fevereiro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SEGURANÇA

Mato Grosso do Sul supera em 10 vezes média nacional de resolução de homicídios

O relatório reflete a efetividade da Polícia Civil sul-mato-grossense em tornar Mato Grosso do Sul um dos Estados mais seguros do país.

17 Jan 2020 - 06h36Por Portal do MS

Campo Grande (MS) –O índice de esclarecimento de homicídios em Mato Grosso do Sul é 10 vezes maior que o registrado no País. De acordo com levantamento feito em âmbito nacional, a média de resoluções de crimes de homicídio fica em torno dos 6%. No MS este índice é superior aos 60%, com registro de 238 mil ocorrências.

Em 2019, 24 municípios do MS tiveram 100% dos crimes de homicídio solucionados, enquanto outras 17 cidades não registraram um único caso. O relatório reflete a efetividade da Polícia Civil sul-mato-grossense em tornar Mato Grosso do Sul um dos Estados mais seguros do país.

O delegado-geral da Polícia Civil do MS, Marcelo Vargas Lopes, atribui os resultados a um trabalho conjunto das forças de segurança. Ele aponta que os números de resolução de homicídio doloso devem chegar a, pelo menos, 70% até junho desse ano, com a conclusão de investigações ainda em andamento.

Em comparação ao ano de 2018, a taxa de homicídio no Estado caiu de 16,4 a cada cem mil habitantes para 14,4, número bem abaixo da média nacional que, segundo estudo feito pela Organização das Nações Unidas (ONU), chegou ao patamar de 30,5 homicídios a cada 100 mil habitantes.

O latrocínio, roubo seguido de morte, caiu 44%: de 25 em 2018 para 14 no ano passado. Já os casos de homicídios dolosos registram queda de 11,3% entre os anos de 2018, onde foram identificados 451 casos, e 2019, com 400 casos.

Em Campo Grande, a queda foi de 66%, com registros de nove casos em 2018 e três, no ano passado.

Em todo o interior do Estado, o levantamento aponta para uma queda de 9% nos números de homicídios dolosos, com o registro de 355 casos em 2018 e 323 em 2019. Já na faixa de fronteira, crimes de homicídio tiveram uma retração de 6% em números absolutos. Saindo de 268 em 2018 para 251 em 2019.

Quantos aos crimes de feminicídio, a queda foi de 3,1%. Em 2019 foram registrados 31 casos. Um a menos que o ano anterior. 

Municípios com 100% dos casos elucidados:

Três Lagoas, Aquidauana, Eldorado, Cassilândia, Água Clara, Alcinópolis, Fátima do Sul, Porto Murtinho, Bataguassu, Costa Rica, Inocência, Paranaíba, Bandeirantes, Corguinho, Rochedo, Rio Negro, Rio Verde do MT, São Gabriel do Oeste, Bonito, Nioaque, Novo Horizonte do Sul, Aparecida do Taboado, Paraíso das Águas e Selvíria.

Municípios com índice de resolução acima de 70%:

Ribas do Rio Pardo (83,3%), Aral Moreira (83,3%), Caarapó (80%), Sidrolândia (80%), Coxim (80%), Maracaju (80%), Nova Andradina (77,8%), Naviraí (75%), Itaporã (75%), Iguatemi (75%) e Bela Vista (71,4%).

Municípios sem registros de homicídios:

Bodoquena, Dois Irmãos do Buriti, Jaraguari, Pedro Gomes, Douradina, laguna Caarapã, Nova Alvorada do Sul, Deodápolis, Glória de Dourados, Jateí, Vicentina, Anaurilândia, Batayporã, Taquarussu, Figueirão, Antônio João e Brasilândia.

Regionais que registraram queda nos números de homicídio entre os de 2018 e 2019

DRP Aquidauana –  queda de 27,8%, com 18 crimes de homicídio doloso em 2018 e 13, em 2019.

DRP Corumbá – queda de 21,2%. De 33 para 26.

DRP Coxim – queda de 34,8%. De 23 para 15.

DRP Dourados – queda de 17,3%. De 75 para 62.

DRP Fátima do Sul – queda de 66,7%. De 6 para 2.

DRP Paranaíba – queda de 42,9%. De 21 para 12.

DRP Três Lagoas – queda de 16,7%. De 18 para 15.

Colaborou – Delegada Bárbara Camargo Alves

Carlos Eduardo Orácio, da assessoria de comunicação da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul (PCMS)

Foto: Divulgação

Deixe seu Comentário

Leia Também

TURISMO NO MS
Descubra a beleza das praias de água doce para curtir o Carnaval em MS
NOVA ANDRADINA DE LUTO
Lia perde luta contra o câncer 3 dias antes de completar 40 anos, e deixa de luto Nova Andradina
ALERTA TEMPORAIS
Temporais deixam regiões do MS em alerta
SUSTO - NOVA ANDRADINA
Após 'rampar' ponte quebrada, airbags foram acionados e motorista sai ileso, VEJA FOTOS
ACIDENTE DE TRANSITO
Ônibus com universitários bate em caminhão no anel viário
FÁTIMA DO SUL - CIA DO BICHO
Cia do Bicho fala do tratamento adequado e seus cuidados sobre a Dermatite canina, Confira
TEMPESTADE
Obra de contenção de enchente não resistiu à chuva forte em MS
ASSASSINATO
Professor é encontrado morto na madrugada e com braços amarrados
OFICIAIS E BOMBEIROS
Governo convoca aprovados para Cursos de Formação de Oficiais da PM e Bombeiros
PROMESSA
Vereadora cobra prefeito sobre sorteio de prêmios do IPTU que nunca foram feitos