Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 27 de fevereiro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGORA DEU MEDO

AGORA DEU MEDO: Sucuri de 6 metros é flagrada boiando em rio após engolir presa em MS

Uma sucuri de aproximadamente 6 metros de comprimento foi flagrada boiando

19 Fev 2021 - 18h33Por G1/MS

Uma sucuri de aproximadamente 6 metros de comprimento foi flagrada boiando após engolir uma presa, no rio Sucuriu, em Paraíso das Águas, região norte de Mato Grosso do Sul. O flagrante exclusivo obtido pelo G1, foi feito na tarde desta quinta-feira (18) pelo empresário Elvio Mariano, foi durante um passeio de barco com a família.

"Estávamos subindo o rio quando sentimos um mal cheiro. Percorrendo um pouco mais , avistamos essa grande sucuri. Com certeza ela tinha pego a presa pouco antes e por isso não conseguia afundar no rio", explicou ao G1.

Sucuri é flagrada boiando após engolir presa em rio de MS. — Foto: Elvio Mariano/Imagem

Conforme Mariano, a suspeita é que a cobra teria engolido uma capivara. O empresário conta que a parte da cabeça da sucuri estava dentro da água e o restante boiando na superfície.

"Procuramos manter a distância necessária para não incomodá-la . Ela estava no momento de digestão dela e no ambiente dela. Por isso temos que respeitá-la", afirmou.

Ainda de acordo com o empresário, estavam no barco ele, a irmã, o cunhado e uma netinha de 3 anos de idade. Ele conta que a criança ficou bastante assustada com a cobra, mas a irmã, mão da criança, procurou acalmá-la.

"Foi a primeira vez que ela viu um animal desses. Como a sucuri era muito grande, ela ficou impressionada. Mas mantemos a segurança necessária e procuramos não ficar muito tempo ali para que ela pudesse fazer de forma tranquila a digestão", e ainda acrescentou:

"Foi uma sensação incrível e mostra que natureza nesta região está bem preservada. Creio que todas as pessoas deveriam se sensibilizar e preservar qualquer tipo de animal seja ele pequeno ou um de grande porte, como essa sucuri", alertou.

No mesmo rio, em dezembro de 2020, uma sucuri de aproximadamente 7 metros de comprimento foi flagrada digerindo uma presa. Segundo o jornalista Fernando Britto, responsável pela imagem, a suspeita é que a cobra também teria engolido uma capivara. (Assista o vídeo abaixo).

Jornalista flagra sucuri de 7m às margens do rio Sucuriu, em Paraíso das Águas (MS).

Jornalista flagra sucuri de 7m às margens do rio Sucuriu, em Paraíso das Águas (MS).

Na época, Britto contou que estava fazendo um passeio de barco com mais dois amigos no rio quando um deles avistou a cobra. O local também é conhecido por ter bastante capivaras: "Pensamos que estava morta, mas quando chegamos perto dela, notamos que ela estava quieta por conta do processo de digestão", explicou ao G1.

Ainda de acordo com o jornalista, todos ficaram surpresos com o tamanho do animal que segundo ele, estava com a cabeça para fora do rio, parte do corpo boiando na água e parte do rabo enrolado em um galho, para se apoiar.

Suspeita é que animal teria engolido uma capivara, no rio Sucuriu, em Paraíso das Águas (MS).  Foto: Fernando Brito/Foto

Suspeita é que animal teria engolido uma capivara, no rio Sucuriu, em Paraíso das Águas (MS). — Foto: Fernando Brito/Foto

Deixe seu Comentário

Leia Também

INCENTIVO AO ESPORTE
Com repasse de R$ 820 mil, governo contribui com os clubes e ajuda a fortalecer o futebol de MS
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Mineradora anuncia projeto de R$ 40 milhões para extração de basalto em Inocência
TOQUE DE RECOLHER
Governo prorroga toque de recolher e restrições seguem até 12 de março
AÇÕES DO GOVERNO MS
Parceria vai levar assist. documentação e benef. para 8 comunidades ribeirinhas na região pantaneira
CASA PRÓPRIA
Atualização de dados cadastrais para sorteio de 150 apartamento encerra na próxima segunda-feira
VOLTA ÀS AULAS NO MS
VOLTA ÀS AULAS: Governo de MS decide pela retomada das atividades da Rede Estadual de forma remota
PROCON NOS POSTOS
Procon cobra explicações pelo aumento repentino do etanol em MS
PREÇO ELEVADO
Procon Estadual dá 10 dias para sindicato explicar aumento do etanol
MS - 3.270 MORTES
Após correção nos sistemas oficiais, MS passa a registrar 3.270 óbitos por coronavírus
AÇÕES DO DEPUTADO BARBOSINHA
Barbosinha pede que Estado faça campanhas para prevenir aumento de queimados pelo uso de alcool gel