Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de julho de 2021
Busca
seleção brasileira

Vice-capitão e homem de confiança. Entenda a importância do corte de Maicon

8 Set 2014 - 07h15Por UOL

eira convocação.

Para melhorar seu currículo, ele ainda é o terceiro que mais vezes fez um gol pela seleção. A liderança é de Neymar, que tem 36, com Robinho em seguida, com 29.

E o seu estrelado só não é maior porque Hulk machucou. Robinho não fazia parte dos planos de Dunga e acabou convocado só por isso. Assim, o santista fez Maicon descer uma posição nas estatísticas.

Os dois, aliás, foram os dois únicos remanescentes entre os titulares da primeira convocação da Era Dunga e os lembrados para a estreia da segunda. Maicon fica à frente na hierarquia, como o próprio treinador definiu, porque havia disputado a Copa do Mundo de 2014.

Ele sobreviveu ao massacrante 7 a 1 para a Alemanha na semifinal e aos 3 a 0 para a Holanda na decisão de 3º. Por isso, levou a convocação como inesperada. Ao desembarcar em Miami, na apresentação da seleção, admitiu que ficou surpreso ao ver seu nome na lista.

A surpresa será ainda maior se ele voltar a ter uma chance com Dunga.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SELEÇÃO OLIMPICA
Brasil ameaça passeio em estreia contra a Alemanha, mas desperdiça chance de goleada histórica
COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
Como se apresenta a mesa dos vencedores da Copa América após a recente vitória da Argentina?
JOGOS ONLINE
O casino online quando quiser e pelo tempo que quiser
ESPORTE
Bolsista do Governo de MS representa o Brasil nas Olímpiadas de Tóquio
ESPORTES
MS vai com quatro atletas ao Brasileiro Sub-15 e Sub-23 de Wrestling
FINAL COPA AMÉRICA
Copa América: Argentina vence nos pênaltis e garante duelo Messi X Neymar
BRASILEIRÃO
Santos conta com a Lei do Ex e vence o Athletico na Vila Belmiro
FINALISTA
Lucas Paquetá põe Brasil na final da Copa América
BRASIL AO VIVO
Copa América: Brasil x Peru; onde assistir ao vivo, horário e escalações da semifinal
COPA HRT
3ª Copa HRT de Motovelocidade agita o Autódromo Internacional de Campo Grande