Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 26 de novembro de 2020
SADER_FULL
Busca
UNIGRAN DOURADOS
Melhores do Ano

Melhores do Ano do "Domingão" é a mais relevante premiação da TV

Entenda o porquê na coluna "Território da TV"

17 Mar 2014 - 10h51

Seja na TV ou até mesmo aqui no NaTelinha, você provavelmente já conferiu quais foram os consagrados na premiação dos Melhores do Ano realizada pelo “Domingão do Faustão”.

Agora realizada ao vivo, mas sem grandes mudanças no esquema de exibição, que reveza entrevistas com o trio de indicados pouco antes do anúncio do vencedor para depois seguir uma conversa mais aprofundada com o mais votado, a festa deste ano literalmente fez até chover no palco do programa durante a apresentação de Luan Santana. Mas quais terão sido as tendências que influenciaram o público na escolha dos vencedores?
 
Dentre as premiações da dramaturgia, além dos excelentes índices em sua reta final, que coincidiu com parte das votações, “Amor à Vida” ainda teve certa sorte em cruzar com uma das mais fracas safras de novelas da atualidade: “Joia Rara” e “Além do Horizonte” simplesmente não emplacaram. E isso fez toda a diferença em um prêmio popular. Aliás, aquele que talvez tenha sido o mais popular dos núcleos da trama abocanhou simplesmente três prêmios.

Elizabeth Savalla, Tatá Werneck e Anderson di Rizzi foram eleitos melhor atriz coadjuvante, melhor atriz revelação e melhor ator revelação, respectivamente. Vale lembrar que Anderson já fez novelas na própria Globo, como “Morde & Assopra”. No caso de Tatá, ela realmente ganhou destaque já por sua primeira novela e voltou a “atacar” de Valdirene no palco. Quando questionada por Faustão se pretende engravidar logo, a divertida atriz retrucou perguntando se aquilo era um convite.

Alguns prêmios eram certos para trama de Walcyr Carrasco antes mesmo do anúncio do vencedor. Dentre os melhores atores coadjuvantes, o duelo ficou por conta de Caio Castro, Juliano Cazarré e Thiago Fragoso. Deu Thiago.

Como esperado, o outro intérprete do primeiro beijo gay em horário nobre global também saiu com o troféu na mão: Mateus Solano foi o premiado como melhor ator em disputa com Bruno Gagliasso e Antônio Fagundes, que entrou ao vivo direto de São Paulo (a premiação foi realizada no Rio de Janeiro). Já Fabiana Karla surgiu da Itália. Enquanto isso, Renata Vasconcellos teve mais trabalho ao cruzar o Rio de Janeiro em cerca de 1 hora. A jornalista, que disputou a sua categoria com Patrícia Poeta e William Bonner, esteve no Projac acompanhando a segunda vitória da carreira do âncora do “Jornal Nacional” e pouco depois já conversava com Fausto Silva em seu posto no estúdio do Fantástico. Haja fôlego!

A outra categoria em que houve trio de “Amor à Vida” foi melhor atriz, com vitória de Paolla Oliveira sobre Susana Vieira e Vanessa Giácomo e consequente ampliação da hegemonia de mocinhas diante das vilãs.

A única outra novela também premiada foi “Além do Horizonte”, graças ao surpreendente resultado de JP Rufino sobre Klara Castanho e Mel Maia. Houve resultado espantoso igualmente em comédia. Leandro Hassum bateu Fábio Porchat e Fernanda Torres teoricamente por sua atuação no insosso “Divertics”, mas parece bem mais provável que boa parcela dos votos tenha sido gerada também pelo seu desempenho nas telonas em “Até Que a Sorte Nos Separe 2”.

Nas categorias musicais, nenhuma surpresa com a melhor cantora: Ivete Sangalo, a maior vencedora do Troféu Domingão, levou mais um para sua coleção.

Derrotada pela musa do axé na categoria, Anitta pelo menos não saiu de mãos abanando. Seu “Show das Poderosas” deixou o público piradinho e bateu o hit de Gabriel Valim. Ela superou ainda Luan Santana (eleito melhor cantor) e “Tudo o Que Você Quiser”.

Porém mais do que a óbvia consagração da música que realmente marcou o ano passado, o destacável nessa disputa foi a qualidade das performances realizadas no palco. Trabalho impecável. Prova de que apesar do certo egocentrismo que sempre gera críticas em se limitar aos globais, o nível de organização e prestígio do Melhores do Ano realmente o transforma na mais relevante premiação televisiva do Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

1ª PEDALADA MARANATA KIDS
Igreja Adventista do Sétimo Dia realiza a 1ª Pedalada Maranata Kids em Fátima do Sul
Zezé Di Camargo canta durante velório do pai, Francisco Camargo, em Goiânia  Foto: Vítor Santana G1 TRISTE PARTIDA
Zezé Di Camargo toca sanfona e canta 'É o Amor' durante velório do pai
FENÔMENO DA NATUREZA
Meteoro explode sobre a fronteira do RS com o Uruguai; veja imagens
VENDA DE CARROS
A venda de carros novos continua crescendo
ELIMINATÓRIAS
Brasil vence Uruguai e segue 100% nas eliminatórias da Copa do Mundo
CHOCANTE
Menina de 13 anos é forçada a se casar com homem de 48 nas Filipinas
FUTEBOL
Filho de Eliza Samudio e Bruno joga como goleiro em escolinha de MS
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário traduz o poder de um abraço em nova fragrância, confira em Fátima do Sul
HONESTIDADE
Casal descobre tesouro em casa recém-comprada e devolve pro antigo dono
BORA PRA BONITO - MS
BORA PRA BONITO: Green Week, do Águas de Bonito tem a melhor tarifa do ano, confira agora