Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de julho de 2021
Busca
bastidores da tv

Globo camufla beijo entre transexual e hétero ‘enganado’

25 Set 2014 - 15h38Por Terra
Ontem à noite a Globo exibiu mais um beijo gay. E na faixa das 19h, com classificação indicativa para crianças maiores de 10 anos. Não houve comemoração dos ativistas LGBT nem protestos dos que se declaram contrários à relação homoafetiva.
 
Na novela Geração Brasil, o ex-bandido Cidão (André Gonçalves) se declarou para a socialite Dorothy (Luis Miranda). Os dois se beijaram na boca, com direito a corpos curvados (como nos filmes da antiga Hollywood) e trilha musical romântica.
 
Detalhe: Cidão não sabe, ou finge não saber, que a delicada e americanizada Dorothy é um transgênero baiano chamado Dorival. O capoeirista e sua então mulher (não mostrada na novela) trocaram de sexo quando nasceu o filho deles, o guru da autoajuda Brian (Lázaro Ramos).
 
Para exibir o beijo entre Cidão e Dorothy sem suscitar gritaria, a Globo usou um velho truque: mostrar sem mostrar. Na hora em que os dois se curvaram para se beijar, foram encobertos por folhagens e flores, ficando à mostra apenas a silhueta do casal.
 
A cena não teve nada de explícito, como o tão aguardado e comentado beijo entre Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso), visto em janeiro, no último capítulo da novela Amor à Vida. Nem apresentou o componente erótico do casal enrustido Cláudio (José Mayer) e Leonardo (Klebber Toledo) na atual trama das 21h, Império.
 
A aparente aceitação do romance de Cidão e Dorothy pode ser explicado pela abordagem lúdica. Tanto é que, após o tal beijo, a transexual teve uma espécie de delírio, dançando como se estivesse em um musical da Broadway, cercada de bolhas de sabão, ao som de Está Tão Quieto, versão cantada por Elza Soares do clássico It’s Oh So Quiet.
 
André Gonçalves é quase um especialista em interpretar personagens homossexuais. Ele despontou para a fama em A Próxima Vítima (1995), no papel do jovem advogado gay Sandrinho. Na época, o ator chegou a ser agredido por homofóbicos.
 
Na novela Morde & Assopra (2011), ele viveu Áureo, personagem cômico que tentou se ‘converter’ hétero, mas acabou fugindo com um peão de fazenda.
 
Já o ator Luís Miranda foi visto como Jorge, um gay com medo de se assumir, no seriado Batendo o Ponto, produzido na Globo em 2011.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PAIXÃO PELA PM
Fã da Polícia Militar, pequeno João Guilherme ganha visita surpresa em aniversário
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário traz emoção de história real para celebrar o amor neste Dia dos Pais
SELEÇÃO OLIMPICA
Brasil ameaça passeio em estreia contra a Alemanha, mas desperdiça chance de goleada histórica
SEGURANÇA E TECNOLOGIA
Princípios básicos da segurança cibernética em empresas
BOLSA DE ESTUDO
Em três anos, Governo de MS investirá R$ 9 milhões em bolsas de estudos
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governador autoriza lançamento do FIC e Cultura de MS ganha mais R$ 8 milhões
Sucuri é flagrada por grupo de turistas, em rio de Jardim (MS)  Foto: Luiz Eduardo Gonçalves/Foto VÍDEO - SUCURI EM MS
Sucuri gigante é flagrada por turistas durante flutuação em rio de água transparente de MS, Assista
by baymetrics.analytics SEGURANÇAS CIBERNÉTICA
Princípios básicos da segurança cibernética em empresas
VIRALIZOU
Promoção em loja dá o que falar na web: "Baixamos as calças, estamos quase dando"
ÓTICA DOURADOS
O clássico nunca sai de moda e a RayBan trabalha bem em cima disso, tem na Ótica Dourados