Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de outubro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS

Rumo ao Estado Carbono Neutro, MS contribui na criação do Consórcio Brasil Verde

25 Set 2021 - 10h50Por Marcelo Armôa

O secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e a coordenadora da Consultoria Legislativa (Conleg), procuradora Ana Carolina Ali Garcia, participaram na tarde desta sexta-feira (24) de reunião virtual do Consórcio Brasil Verde.

A iniciativa é da coalizão Governadores pelo Clima, que reúne 24 governadores das unidades de federação do país, dentre eles Mato Grosso do Sul e que se associaram para enfrentar as emergências climáticas com ações destinadas a regeneração ambiental, redução das emissões de carbono e desenvolvimento de cadeias econômicas capazes de oferecer alternativas às populações mais vulneráveis.

Uma das principais funções do Consórcio Brasil Verde será a de atuar no cumprimento dos compromissos assumidos pelo Brasil no Protocolo de Kyoto e com a ONU. “A ideia é criar mecanismos para auxiliar o governo federal no cumprimento de obrigações assumidas em acordos internacionais. Hoje tratamos da elaboração do estatuto do Consórcio e a Dra. Ana Carolina apresentou contribuições de Mato Grosso do Sul”, comentou o secretário Jaime Verruck.

A participação sul-mato-grossense no Consórcio Brasil Verde “segue a política estratégica do Governo do Estado em tornar Mato Grosso do Sul um Estado Carbono Neutro até o ano de 2030”, finalizou o titular da Semagro.

Dentre as metas da coalizão Governadores pelo Clima para a formalização do consórcio Brasil Verde estariam:

  1. Compatibilizar o desenvolvimento econômico-social com a proteção do sistema climático, de forma socialmente justa e ecologicamente equilibrada.
  2. Reduzir as emissões antrópicas de gases de efeito estufa em relação às suas diferentes fontes;
  3. Fortalecer as remoções antrópicas por sumidouros de gases de efeito estufa no território nacional;
  4. Implementar medidas para promover a adaptação à mudança do clima pelas 3 (três) esferas da Federação, com a participação e a colaboração dos agentes econômicos e sociais interessados ou beneficiários, em particular aqueles especialmente vulneráveis aos seus efeitos adversos;
  5. Preservar, conservar e recuperar os recursos naturais, com particular atenção aos grandes biomas considerados pela Constituição Federal como Patrimônios Nacionais;
  6. Consolidar e expandir as áreas legalmente protegidas e ao incentivo aos reflorestamentos e à recomposição da cobertura vegetal em áreas degradadas;
  7. Estimular o desenvolvimento do Mercado Brasileiro de Redução de Emissões – MBRE;
  8. Implementar uma política de incentivo ao incremento da denominada “economia verde”, especialmente voltada para o desenvolvimento de produtos inovadores, de menor impacto ambiental e geradoras de novas oportunidade de emprego;
  9. Estimular o desenvolvimento de soluções relacionadas à questão energética, considerando tanto a necessidade de redução das emissões como, também, as consequências das mudanças climáticas na produção de energia;
  10. Adotar medidas visando reduzir dos impactos oriundos das mudanças climáticas nas populações mais vulneráveis.

Leia Também

ALERTA DE TEMPESTADE
Ao vivo: Corpo de Bombeiros fala sobre plano de prevenção para tempestade prevista no fim de semana
AUXÍLIO CAMINHONEIROS AUXÍLIO AOS CAMINHONEIROS
Bolsonaro anuncia novo Auxílio de R$ 400 para caminhoneiros, veja como será
Cardápio Casa dos assados (5) 1   Cópia CASA DOS ASSADOS
Neste domingo saboreie as delicias da Casa dos Assados em Fátima do Sul
LEILÃO
Oferta de lances para leilão de maquinários da SAD já está disponível
ALERTA TEMPORAIS
Cuidado: nova tempestade de areia pode chegar no domingo a MS
AUXÍLIO BRASIL
Auxílio Brasil tem valor de R$ 400 confirmado; veja quem vai receber
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
De mecânico a salgadeiro, Funtrab oferece 889 vagas de emprego nesta quinta
AÇÕES DO GOVERNO MS
Com apoio do Governo, setor de bares e restaurantes aumentam as contratações e retomam movimento
MATO GROSSO DO SUL
Mato Grosso do Sul se mantém líder na exportação de tilápia no terceiro trimestre de 2021
Fotos: Cyro Clemente/Alems e Edemir Rodrigues/Subcom CNH SOCIAL EM MS
CNH Social vai beneficiar 5 mil pessoas por ano em Mato Grosso do Sul, entenda