Menu
SADER_FULL
terça, 7 de abril de 2020
SADER_FULL
Busca
MEDICAL CENTER - POLONIO
AÇÃO DE DESPEJO

Prestes a ser despejada após morte João Gilberto, ex não tem para onde ir e passa fome

No dia 26 de março haverá uma audiência de mediação, mas Maria do Céu já sabe que será despejada.

18 Fev 2020 - 08h35Por Extra

Pouco mais de sete meses após a morte de João Gilberto, Maria do Céu Harris ainda luta na Justiça pelo reconhecimento de união estável com o cantor num processo que corre em segredo de Justiça. Mas em outro processo, ela é ré ao lado de Bebel Gilberto, filha do pai da bossa nova.

As duas estão sendo processadas pela proprietária do apartamento em que João Gilberto viveu seus últimos anos. O endereço do músico na rua Carlos Góes continua ocupado por Maria do Céu, mas desde agosto não houve pagamento de qualquer despesa, como aluguel e condomínio, totalizando um montante de quase R$ 100 mil.

O prédio onde João Gilberto morou até morrer: R$ 100 mil de aluguel atrasado

O prédio onde João Gilberto morou até morrer: R$ 100 mil de aluguel atrasado Foto: reprodução

No dia 26 de março haverá uma audiência de mediação, mas Maria do Céu já sabe que será despejada. A questão é que ela não tem para onde ir. “A situação dela é muito preocupante. Ela não tem onde ficar, não possui parentes e os poucos amigos que restaram não querem se envolver nisso”, conta uma amiga: “Nem alimentação ela tem direito”.

Nova inventariante

Quando morava com João Gilberto, Maria do Céu e o músico tinham as contas do apartamento pagas por Bebel Gilberto, que, na época, possuía a curatela do pai. Com sua morte, a cantora entrou com uma petição para ser a inventariante, mas desistiu no decorrer do processo. O irmão, João Marcelo, que mora nos EUA, também chegou a requerer a curatela e posteriormente a morte do pai ser o inventariante, mas como está longe, a movimentação fica comprometida.

Maria do Céu será despejada do apartamento em que morou com João Gilberto

Maria do Céu será despejada do apartamento em que morou com João Gilberto Foto: Agência Globo

Assim, o Ministério Público sugeriu que a advogada Silvia Regina Dain Gandelman seja a inventariante daqui para a frente. Caso aceite, ela vai gerenciar o que o músico receberia de direitos autorais, sua especialidade. O dinheiro proveniente disso será destinado a uma conta judicial para os herdeiros reconhecidos legalmente.

Como Maria do Céu ainda tenta provar que era a companheira de João Gilberto até ele morrer, ela não poderá receber nenhuma quantia até que o processo tenha uma sentença. Caso seja favorável a ela, Maria do Céu passa a receber uma parcela desse montante. João Gilberto não deixou bens além de sua própria obra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Após espera de 50 anos, famílias recebem títulos de propriedade imobiliária em Deodápolis
SITE AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa disponibiliza site para cadastrar e tentar receber o auxílio emergencial quando disponivel
DECRETO
Restaurantes noturnos poderão atender presencialmente até 22h a partir desta terça
SOS EMPRESAS
Crédito para folha de pagamento já está disponível nos bancos
PRIORIDADE
Cestas alimentares aos indígenas de MS continuam sendo entregues pelo Governo do Estado
CORONAVOUCHER
Caixa divulga hoje calendário para pagar auxílio de R$ 600
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
MS tem mais de 400 vagas em concursos com salários de até R$ 18,5 mil
SIMPLES NACIONAL
União atende pedido de governadores e prorroga tributos do Simples Nacional
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário reabre nesta segunda-feira com horário reduzido em Fátima do Sul
CORTE DE CABELO 10 REAIS
Barbearia do Cosme reabre hoje, 6 em Fátima do Sul, com promoção de corte de cabelo a 10 reais