Menu
SADER_FULL
quinta, 26 de novembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CIA DO BICHO
emprego

Indústria é o 2º maior gerador de emprego no ano em Mato Grosso do Sul

De janeiro a fevereiro, o setor abriu 1.922 vagas, ficando atrás somente do setor de serviços, que criou 2.596

25 Mar 2014 - 07h54Por Da Redação

O setor industrial de Mato Grosso do Sul, composto pelas indústrias de transformação, de extrativismo mineral, de construção civil e de serviços de utilidade pública, é o 2º maior gerador de postos de trabalho no ano em Mato Grosso do Sul, com a abertura de 1.922 novas vagas de emprego de janeiro a fevereiro deste ano, conforme levantamento do Radar Industrial da Fiems. No período avaliado, o setor que mais se destacou foi o de serviços, com 2.596 postos de trabalho, enquanto o agropecuário abriu 1.249 e o da administração pública criou 2 postos de trabalho, já que o comércio teve saldo negativo de 91 vagas.

Segundo o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende, apenas em fevereiro deste ano, a indústria foi responsável pela abertura de 1.714 postos formais em Mato Grosso do Sul, o que corresponde a 39,3% do saldo total de novos empregos criados no Estado no período. “O desempenho segundo os segmentos industriais teve como destaques as indústrias da construção e de transformação que criaram, respectivamente, 984 e 654 novas vagas no mês”, analisou, completando que, nos últimos 12 meses, a cada 30 dias foram abertos, em média, 624 postos formais pela indústria sul-mato-grossense, totalizando, nesse intervalo, a abertura de 7.482 vagas.

Ezequiel Martins destaca que, com o saldo obtido em fevereiro, Mato Grosso do Sul alcançada a marca de 643.942 postos formais de trabalho, indicando elevação equivalente a 1,12% sobre o estoque total verificado no fim de 2013. Na mesma comparação, o estoque por segmento econômico, passou a ser de 186.452 postos formais de trabalho no setor de serviços (+1,48%), 145.119 na indústria (+1,34%), 120.719 empregos na administração pública (+0,07%), 125.765 no comércio (-0,08%) e 65.887 na agropecuária (+1,92%). “A indústria já responde por 22,5% de todo o emprego formal existente no Estado atualmente, ficando atrás somente do setor de serviços”, ressaltou.

Índice de Evolução do Emprego

Com a posição verificada em fevereiro de 2014, o Índice de Evolução do Emprego Formal na Indústria alcançou 212,6 pontos, indicando crescimento de 113% sobre o estoque do ano base 2005, quando o setor tinha 68.269 trabalhadores. A indústria sul-mato-grossense mais que dobrou o estoque total de empregos formais no período considerado, enquanto na mesma comparação o setor de serviços apresentou um índice de 187 pontos e crescimento de 87%, o comércio com 157,1 pontos (+57%), a agropecuária com 120 pontos (+20%) e administração pública com 103,9 pontos (+4%).

No caso do emprego formal total em Mato Grosso do Sul, o índice de evolução alcançou a marca 153,6 pontos (+54%), contatando-se, deste modo, que no período compreendido entre 2005 e 2014, até o mês de fevereiro, o ritmo de expansão do emprego formal na indústria em Mato Grosso do Sul foi 38% maior que aquele apresentado pelo conjunto da economia estadual. Na mesma comparação, em relação aos segmentos de serviços, comércio, agropecuária e administração pública, o ritmo de expansão da indústria foi maior em 14%, 35%, 77% e 105%, respectivamente.

Já na comparação com o mês imediatamente anterior, o índice de evolução do emprego se comportou da seguinte maneira: indústria (+1,26%), agropecuária (+1,23%), serviços (+1,02%), comércio (+0,13%) e administração pública (0,01%). Por fim, quando comparado com igual mês do ano anterior, o índice de evolução do emprego formal apresentou o seguinte desempenho: emprego total (+3,7%), serviços (+4,7%), comércio (+4,3%), indústria (+6,2%), administração pública (0,0%) e agropecuária (+1,1%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

PATRULHA AMBIENTAL
Estado e Sudeco se unem para adequar estradas e evitar turvamento de rios de Bonito
TORRA ESTOQUE MS
Torra Estoque MS segue até sábado com descontos especiais para população
GOVERNO PRESENTE EM DOURADOS
GOVERNO PRESENTE: Obra do acesso do Aeroporto à BR-463 contempla pedido de Barbosinha em Dourados
ALTA NO PREÇO
Bolsonaro diz que alta nos preços dos alimentos é consequência do "fique em casa"
AUXILIO POPULAÇÃO
Ala política defende prorrogar auxílio emergencial, mas Bolsonaro ainda não decidiu
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Com apoio da Defesa Civil Nacional, Estado construirá 15 pontes de concreto no Pantanal
COMBATE AO MOSQUITO
Ação estratégica: Governo faz Dia D da campanha "Aproveite a Quarentena e Limpe o seu Quintal"
AÇÕES DO GOVERNO MS
Antecipação de salários, incluindo 13º, aquece o mercado e resgata a confiança do consumidor, avalia
VENDA DE CARROS
A venda de carros novos continua crescendo
OPORTUNIDADE
Concurso público tem 78 vagas e salários chegam a R$ 3,2 mil em MS