Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 23 de novembro de 2020
SADER_FULL
Busca
JUNINHO DENTISTA NOVO
AÇÕES DO GOVERNO MS

Governo injeta R$ 1,5 bilhão na economia de MS em 37 dias

Valor referente ao pagamento das folhas salariais de novembro, dezembro e 13º movimenta os setores da economia e irriga o comércio

13 Nov 2020 - 08h18Por Portal do MS

O governador Reinaldo Azambuja anunciou nesta quinta-feira (12) o calendário de pagamento de fim de ano dos servidores estaduais de Mato Grosso do Sul. Serão três folhas salariais (novembro, dezembro e 13º) pagas em 37 dias. Juntos, os desembolsos somarão R$ 1,5 bilhão. Confira os calendários abaixo.

“Fizemos o dever de casa. Com ajuste fiscal e cuidado com as contas públicas não deixamos o Estado sucumbir. Mantemos nossa capacidade de pagamento e planejamos a folha salarial. Isso é importante porque dá previsibilidade ao servidor”, disse Reinaldo Azambuja.

Neste ano, os funcionários públicos do Estado escolheram, por maioria, a data de pagamento do 13º salário, que será dia 1º de dezembro. Participaram da votação 10.171 servidores. 4.521 deles elegeram a data vencedora. Outros 5.650 escolheram dias alternados.

Servidores votaram e escolheram: 13º será depositado em 1º de dezembro e poderá ser sacado em 2 de dezembro

Mato Grosso do Sul possui cerca de 79 mil servidores ativos e inativos, como aposentados e pensionistas. Os salários deste mês de todos eles serão depositados no próximo dia 27 de novembro (sexta-feira) e estarão disponíveis para saque no dia 28 (sábado). Já os salários de dezembro serão depositados pelo Estado no primeiro dia útil de 2021, que é 4 de janeiro.

Tradicionalmente, as folhas salariais de fim de ano do funcionalismo movimentam os diversos setores da economia e irriga, principalmente, o comércio. “Previsibilidade é tudo na vida financeira. Com ela, você gasta melhor. Agora, o servidor sabe que dia terá dinheiro em mãos e pode se planejar”, afirmou o governador.

Pagamento de novembro foi antecipado;

Salários de dezembro serão depositados em 4 de janeiro

Economia nos trilhos

Medidas estruturantes realizadas pelo Governo do Estado desde 2015, muitas vezes tidas como amargas, como as reformas previdenciárias e administrativa, foram fundamentais para que a economia de Mato Grosso do Sul se mantivesse nos trilhos. 

Em ano de pandemia, a edição de decretos visando o contingenciamento de gastos não deixou o Estado quebrar e Mato Grosso do Sul passou a ser um dos poucos estados do País com capacidade de pagamentos dos salários, destacou a secretária de Administração e Desburocratização, Ana Carolina Nardes.

"Isso propiciou com que pudéssemos injetar mais de R$ 1 bilhão na economia neste momento atípico, por entendermos que os servidores públicos precisam ser valorizados, o que foi demonstrado nas atitudes sugeridas pelo governador Reinaldo Azambuja para que servidor pudesse escolher a data do pagamento do 13º salário e na autorização para que a SAD efetivasse as promoções de aproximadamente 3,7 mil servidores", afirmou Ana Carolina.

Também participaram do anúncio do calendário de pagamento de fim de ano o secretário Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e o secretário-adjunto da SAD, Édio Viegas.

Secretária da SAD acompanhou anúncio do calendário de pagamentos

Bruno Chaves, Subcom, e Ana Letícia Gaúna, SAD
Fotos: Chico Ribeiro

Deixe seu Comentário

Leia Também

GOVERNO PRESENTE EM DOURADOS
GOVERNO PRESENTE: Obra do acesso do Aeroporto à BR-463 contempla pedido de Barbosinha em Dourados
ALTA NO PREÇO
Bolsonaro diz que alta nos preços dos alimentos é consequência do "fique em casa"
AUXILIO POPULAÇÃO
Ala política defende prorrogar auxílio emergencial, mas Bolsonaro ainda não decidiu
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Com apoio da Defesa Civil Nacional, Estado construirá 15 pontes de concreto no Pantanal
COMBATE AO MOSQUITO
Ação estratégica: Governo faz Dia D da campanha "Aproveite a Quarentena e Limpe o seu Quintal"
AÇÕES DO GOVERNO MS
Antecipação de salários, incluindo 13º, aquece o mercado e resgata a confiança do consumidor, avalia
VENDA DE CARROS
A venda de carros novos continua crescendo
OPORTUNIDADE
Concurso público tem 78 vagas e salários chegam a R$ 3,2 mil em MS
ROTA BIOCEÂNICA
Avanço em obras no Paraguai e em MS marcam mais uma etapa na consolidação da Rota Bioceânica
GREVE DE FOME
Professores fazem greve de fome por revogação de edital de temporários