Menu
SADER_FULL
quarta, 8 de dezembro de 2021
ASSEMBLEIA DEZEMBRO 2021
Busca
ÓTIMA NOTÍCIA

Governo discute prorrogar auxílio emergencial por mais um ano

O benefício termina no final do mês e, hoje, varia entre R$ 150 a R$ 375.

5 Out 2021 - 08h35Por Dorados Agora

O Governo Federal estuda prorrogar o auxílio emergencial até o fim de 2022. O benefício termina no final do mês e, hoje, varia entre R$ 150 a R$ 375.

Integrantes da ala política defendem a ideia de aumentar o valor do auxílio emergencial para R$ 400 ou R$ 500 e evitar que o benefício termine antes das eleições, o que poderia viabilizar a candidatura do presidente Jair Bolsonaro.

Contudo, a equipe econômica alertou que essa medida aceleraria ainda mais a inflação, que já está na casa dos dois dígitos.

Vale lembrar que o ministro Paulo Guedes tem defendido a ampliação do Bolsa Família, que passaria a se chamar Auxílio Brasil. O governo já tem os recursos para pagar o benefício com o reajuste neste ano.

Leia Também

Fotos: Chico Ribeiro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador anuncia medidas para melhorar ambiente de negócios e fomentar empreendedorismo em MS
Foto: Chico Ribeiro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Débitos com ICMS, Detran, Iagro, Imasul, Agems e Procon podem ser quitados no novo Refis
Foto: Chico Ribeiro AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo vai bancar contas de energia de 141 mil famílias que consomem até 220 kw/h
BENEFICIO CANCELADO
Auxílio Brasil: com revisões, famílias podem ter benefício cancelado
CONCURSO PÚBLICO
Governo divulga editais do concurso da Polícia Civil para os cargos de delegado e perito
INVESTIMENTO DO GOVERNO MS
Governo lança programa "MS +Ciência", que destina R$ 30 milhões para o financiamento de pesquisas
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governo do Estado destrava pavimentação da MS-352, em Terenos, prometida há anos
DINHEIRO NA PRAÇA
Antecipação do 13° salário aos servidores estaduais vai movimentar economia e aumentar as vendas
ECONOMIA
Pagamento do 13º salário em dobro liberado; veja como receber
pis pasep PIS-PASEP
Abono salarial com valor de R$ 1.200 em fevereiro aos trabalhadores via PIS/PASEP