Menu
SADER_FULL
sexta, 4 de dezembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
loterias da caixa

Golpe da falsa Mega-Sena desvia R$ 73 milhões da Caixa Econômica

Polícia Federal prendeu um gerente da Caixa e um suplente de deputado

20 Jan 2014 - 07h59Por Uol

A Polícia Federal investiga o que está sendo considerado o maior golpe aplicado contra a Caixa Econômica Federal. O valor desviado é de R$ 73 milhões. O gerente de uma agência em Tocantins e um suplente de deputado estão presos. A desculpa pra sacar o dinheiro foi o pagamento de um prêmio falso da Mega-Sena.

Uma senha e um golpe histórico. De acordo com a Polícia Federal, Foi assim que o gerente-geral da Caixa Econômica Federal em Tocantinópolis, cidade de 23 mil habitantes, a mais de 500 quilômetros de Palmas, capital de Tocantins, conseguiu viabilizar, em dezembro de 2012, a maior fraude que o banco já viu.

Segundo a Polícia Federal, o gerente Robson Pereira do Nascimento abriu uma conta para um suposto ganhador da Mega-Sena. O cliente era falso e o prêmio nunca existiu.

Com a senha da conta da Caixa destinada a pagamentos de loterias, o gerente viabilizou o depósito de R$ 73 milhões, mesmo sem validação necessária - uma comunicação ao banco - procedimento correto para esse caso.

O dinheiro desviado foi distribuído por contas no Ceará, no Maranhão, em Goiás e em São Paulo.

Segundo a PF, no mesmo dia do pagamento do suposto prêmio, R$ 42 milhões foram transferidos para a conta de uma empresa de São Luís. E R$ 13 milhões para a conta de uma empresa que seria de Ernesto Vieira Carvalho Neto, do PMDB do Maranhão, suplente de deputado federal. Ele foi preso neste sábado (18) no Maranhão e transferido para Araguaína, em Tocantins.  Segundo a PF, com o dinheiro da fraude, ele comprou um avião, que já foi apreendido.

A Caixa só descobriu a fraude numa análise rotineira de contabilidade, cinco dias após o golpe. E diz que, imediatamente, acionou a Polícia Federal. O gerente chegou a sair de férias, mas foi preso no dia 22 de dezembro. A Polícia Federal investiga se há participação de outros funcionários da Caixa, além do gerente.

O delegado responsável pelo caso diz que quatro pessoas ainda estão foragidas, mas a polícia já tem pistas dos suspeitos.

“Temos todo o rastreamento do dinheiro, que já está bloqueado, já pedimos o bloqueio de todo o dinheiro e já conseguimos recuperar 70% do dinheiro”, afirmou Omar Afonso Peplow, delegado da Polícia Federal.

A Caixa Econômica informou que abriu uma investigação e que já adotou novas medidas de controle interno.

O advogado do gerente Robson do Nascimento disse que apresentou documentos que comprovam que ele é inocente. E que não sabia que se tratava de um golpe.
O advogado do suplente Ernesto Vieira declarou que tudo foi um engano. E que o dinheiro depositado na conta da empresa dele é resultado da venda de uma propriedade de 85 hectares.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Parque dos Poderes vai ganhar primeira revitalização em mais de três décadas
AÇÕES DO GOVERNO MS
Novo projeto de lei da Bolsa Atleta terá primeira votação nesta quinta-feira na Assemb. Legislativa
NOVOS PRAZOS
Detran-MS alerta para retomada de prazos que estavam suspensos por conta da pandemia
NOTA PREMIADA MS
No combate à sonegação fiscal, Nota MS Premida distribui R$ 3 milhões em prêmios
AUXÍLIO EMERGENCIAL
Auxílio emergencial é confirmado com valor médio de R$ 688; veja como e quem recebe
OPORTUNIDADES
Detran inicia nesta quarta-feira (02), leilão de 479 sucatas aproveitáveis de motos e automóveis
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governo apoia projeto de geração de renda com cerâmicas Kadiwéu
A PEDIDO DOS SERVIDORES
A pedido dos servidores, Governo de MS paga 13° salário nesta terça-feira
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Pavimentação da MS-389 está entre as obras do Governo Presente
AÇÕES DO GOVERNO MS
Governo lança programa estadual para incentivar cooperativismo em MS