Menu
SADER_FULL
terça, 3 de agosto de 2021
Busca
cotação do dólar

Dólar interrompe série de 5 altas, cai quase 1% e fica abaixo de R$ 2,40

24 Set 2014 - 18h05

O dólar comercial interrompeu uma sequência de cinco altas seguidas nesta quarta-feira (24), fechando em queda de 0,98%, a R$ 2,384 na venda. É a maior queda diária desde 26 de agosto, quando a moeda caiu 1,15%.

O Banco Central respondeu às expectativas dos investidores e aumentou a oferta de swaps cambiais (contratos equivalentes à venda de dólares no mercado futuro) nos leilões que estão sendo realizados, periodicamente, para estender o vencimento de alguns contratos.

Analistas ouvidos pela agência de notícias Reuters disseram que a medida deve evitar que a moeda norte-americana continue subindo como aconteceu nas últimas semanas, mas não é suficiente para impor uma trajetória de queda mais consistente.

Segundo os analistas, as incertezas eleitorais e internacionais devem continuar pesando sobre o mercado brasileiro. 

BC aumenta oferta em leilão de dólares

O BC mais que dobrou a oferta de contratos de dólares nos seus leilões de rolagem: de uma oferta anterior de 6.000, passou a disponibilizar 15 mil contratos em cada sessão.

Hoje foi o primeiro dia em que a medida começou a valer, e o BC conseguiu vender todos os contratos oferecidos. Foram vendidos 9.000 contratos para 3 de agosto de 2015 e 6.000 para 1º de outubro de 2015, com volume correspondente a US$ 740,4 milhões.

Ao todo, o BC já rolou o equivalente a US$ 4,294 bilhões, ou cerca de 64% do lote total do mês que vem, que corresponde a US$ 6,677 bilhões.

Intervenções diárias

Além do leilão de rolagem, o BC também deu continuidade ao seu programa diário de intervenções no mercado de câmbio, vendendo todos os contratos ofertados. 

Foram vendidos 3.000 contratos com vencimento em 1º de setembro de 2015, e outros 1.000 com vencimento em 1º de junho do ano que vem. A operação movimentou o equivalente a US$ 197,6 milhões.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS EM DESTAQUE
Apesar da pandemia, MS terá o maior crescimento do PIB no país
IASD - FATIMA DO SUL
Adventistas levam Missão Calebe para o Jardim Eliane de Fátima do Sul, com o Sopão do Amor
MS FORTE
Estratégia da retomada econômica em MS garante crescimento de 5,5% no PIB em 2022
AGEPEN
Projeto social da Agepen recebe Moção de Congratulação da Câmara Municipal de Jardim
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Com investimento de R$ 2,8 milhões, governo fará reforma geral da Escola Antônio Pereira, em Jardim
AUXILIO POPULAÇÃO
Trabalhadores nascidos em janeiro podem sacar auxílio emergencial
BORA TRABALHAR
BORA TRABALHAR: Semana começa com 1,3 mil vagas de empregos em 28 cidades de MS
RESTAURAÇÃO
Manutenção de rodovia no sul de MS vai custar R$ 41,3 milhões
INVESTIMENTOS DO GOVERNO MS
Atenção: Obra de reforma altera trânsito no Parque dos Poderes nesta semana
ETANOL
Neomille: nova indústria vai investir R$ 1 bilhão para produzir etanol de milho em Maracaju