Menu
SADER_FULL
segunda, 2 de agosto de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
FATALIDADE DUPLA

Durante velório da filha, sargento é informado da morte da mãe

14 Set 2014 - 15h07Por EDIÇÃO DE NOTÍCIAS

Oração. É o que precisa a família do sargento do 47º Batalhão de Infantaria, Aparecido Roberto da Silva. Na manhã deste domingo (14), momentos antes de enterrar a filha de 16 anos, Larissie Isabely Silva, de 16 anos, ele foi informado da morte de sua mãe, Maria Souza Maia, de 81 anos.

Aparecido e a esposa, Sirley da Silva, velavam a filha na Funerária Coxim quando receberam mais essa triste notícia. Maria morreu durante a manhã, em Dourados (MS), em decorrência de algumas doenças. Essa é a terceira perda do sargento num curto período, pois há aproximadamente dois meses ele também perdeu o pai.

Pouco depois do sepultamento de Larissie, no cemitério da Vila Bela, em Coxim, amigos informaram que Aparecido e Sirley não vão para Dourados, pois não tem condições físicas e muito menos psicológicas. Segundo amigos da família, o casal está sem dormir há três dias.A filha única do casal foi vítima de um AVC (Acidente Vascular Cerebral) na tarde de quinta-feira (11) e no dia seguinte teve morte cerebral confirmada pelos médicos do Hospital Regional de Campo Grande. Apesar da tristeza, os pais optaram em doar os órgãos de Larissie.

Por conta da doação o corpo só chegou a Coxim na madrugada deste domingo para velório e enterro. Uma amiga da família disse que foram autorizadas doações do coração, fígado, pulmão e rins. No entanto, ela não soube afirmar se o pulmão pode ser doado, pois a adolescente sofria de bronquite.

Para retirada dos órgãos médicos especialistas de várias cidades brasileiras se deslocaram para Campo Grande. Os órgãos de Larissie devem atender a fila de espera. A família não foi informada e também não quer saber quem são os receptores. Para os pais o mais importante é saber que os órgãos da filha ajudou salvar vidas.

No Facebook de Larissie mensagens chegam a todo momento
Na conta dos pais, também no Face, a situação é a mesma

Homenagens

Larie, como era chamada pelos amigos, tem recebido dezenas de homenagens através das redes sociais. A adolescente estudava na Escola Estadual Silvio Ferreira e era muito querida por amigos e familiares. Por meio do Facebook os pais, assim como o namorado, Matheus Paiva, tem recebido mensagens de conforto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS EM MS
Prosseguir: coletiva de imprensa híbrida será realizada nesta terça-feira, às 10h15
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Na volta às aulas, Reinaldo Azambuja destaca investimento de R$ 289 milhões em reformas de escolas
BORA TRABALHAR
BORA TRABALHAR: Semana começa com 1,3 mil vagas de empregos em 28 cidades de MS
AÇÃO DA PMA
Fazenda com 520 cabeças de gado sem comida, alguns são encontrados mortos, PMA autua arrendatário
Corpo foi encontrado no quintal da casa da vítima, em Sidrolândia (MS).  Foto: PMMS/Reprodução CASO DE POLÍCIA
Polícia encontra corpo de idoso enterrado em quintal e sobrinha confessa homicídio
FRIO INTENSO FRIO INTENSO E CHUVA
Frio não foi embora não e Agosto será mais gelado do que o normal com duas frentes frias e chuva
Crédito: Divulgação/Prefeitura de Dourados DOURADOS - VACINAÇÃO COVID-19
Prefeitura informa novo recorde de vacinação com 7,6 mil doses em 24h
Maria agarrando jacaré sem medo de ser mordida. Foto: Kisie Ainoã) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS LUTO - CIDADES
Maria do Jacaré morre aos 55 anos após queda em casa
VIOLÊNCIA CONTRA MULHER
Após ser estuprada, jovem de 18 anos precisa passar por cirurgia e está na UTI
Mato Grosso do Sul deve receber Pfizer e Coronavac neste fim de semana - Bruno Henrique MAIS VACINAS CHEGANDO
ESPERANÇA: Mais 79,4 mil doses de vacina contra Covid chegam neste sábado ao MS