Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 5 de agosto de 2021
Busca
direito de imagem

Bêbado filmado em boteco de Campo Grande e 'usado' em clipe processa Bruninho e Davi

Chefe de segurança havia tirado seu dia de folga para beber em um bar.

4 Set 2014 - 13h15Por Mídia Max

Como muitos, o chefe de segurança Arthemio Bothelho tirou seu dia de folga para beber em um bar. Depois de merecidos copos, Arthemio acabou dormindo no local. O que ele não imaginava era que, ao acordar, estaria no meio da gravação de um videoclipe da dupla sertaneja Bruninho e Davi.

Sem saber, o chefe de segurança “participou” do clipe de Se Namorar Fosse Bom. Ele aparece quatro vezes, em uma delas até babando de tanto dormir. Seis meses depois, em dezembro de 2012, o clipe foi ao ar no YouTube e hoje ultrapassa 11 milhões de visualizações.

Reprodução/YouTube

O chefe de segurança ficou conhecido nacionalmente como o bêbado do clipe. De lá para cá, Arthemio foi vítima de piadas e brincadeiras no trabalho e onde mais fosse. O constrangimento foi tanto que ele fez até tratamento psicológico para lidar com o ocorrido.

Processo

Em fevereiro deste ano o chefe de segurança procurou advogada para entrar com ação contra a dupla e os produtores do clipe (GDO Produções e Teló Produções, segundo a ação), pedindo que em 48 horas retirem o vídeo do ar e o editem, sem a sua imagem, utilizada sem a autorização devida. A ação pede também R$ 300 mil de indenização por danos morais.

Evaporaram?

Entretanto, a advogada de Arthemio diz não conseguir encontrar a dupla ou a produtora para entregar o processo. “Eles estão dificultando a situação. A liminar ainda não foi deferida porque o juiz está aguardando a defesa”, conta a profissional. Sem saída, a advogada pediu à Receita Federal o endereço dos músicos, que deve aparecer em quinze dias.

Outro lado

A assessoria jurídica da dupla Bruninho e Davi disse desconhecer a existência e o conteúdo da ação e afirma que os artistas não foram citados. “Desse modo, a dupla se reservará a manifestar-se após a citação do processo”.

A assessoria jurídica garante ainda que a GDO Produções não foi responsável pela produção do clipe, nem tampouco pertence aos artistas, e afirma desconhecer a razão pela qual foi arrolada na demanda. A dupla negou também estar “fugindo” da ação.

Sem vínculo

A assessoria da Teló Produções informou que não responde mais pela carreira de Bruninho e Davi e que o nome de Michel Teló não tem nenhum vínculo com o ocorrido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATO OU FAKE - FRIO
Nova onda de frio?, fato ou fake, confira a previsão
FÁTIMA DO SUL - ORLA TCHAU FRIO!!!
TCHAU FRIO: Nova onda de calor deve chegar na próxima semana, confira a previsão
Bombeiros controlam incêndio no carro do motorista de aplicativo  Foto: José Aparecido/TV Morena POR POUCO
Motorista de aplicativo sequestrado é tirado de porta-malas antes de carro ser tomado por chamas
FÁTIMA DO SUL - CIA DO BICHO
Entenda o que é cinomose e como proteger seu melhor amigo, a Cia do Bicho te dá às dicas
DEPUTADA MARA CASEIRO AÇÕES DEPUTADA MARA CASEIRO
Construção de novas instalações para o quartel da Polícia Militar de Chapadão do Sul é reivindicado
MARA CASEIRO AÇÕES DEPUTADA MARA CASEIRO
Agosto Lilás: Deputada Mara aborda representatividade feminina na política
DEPUTADO COM COVID
Diagnosticado com Covid-19, Barbosinha passa bem e cumpre quarentena em casa
ÓTICA DOURADOS - DIA DOS PAIS
Dia dos Pais chegando, a Ótica Dourados traz as melhores tecnologias do mercado em armações e lentes
CONCURSO PÚBLICO
Governo de MS abre novo concurso para professores
CORONAVÍRUS EM MS
Prosseguir: coletiva de imprensa híbrida será realizada nesta terça-feira, às 10h15